Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/4753
Title: Práticas e produtos ambientalmente sustentáveis : análise do conteúdo das informações veiculadas em revista de circulação no Brasil.
Authors: Damasceno, Angélica Lucas
Prado Filho, José Francisco do
Camargos, Silvana Prata
Keywords: Marketing ambiental
Peças publicitárias
Apelo ambiental
Issue Date: 2008
Citation: DAMASCENO, A. L.; PRADO FILHO; J. F. do; CAMAGOS, S. P. Práticas e produtos ambientalmente sustentáveis: análise do conteúdo das informações veiculadas em revista de circulação no Brasil. GEPROS. Gestão da Produção, Operações e Sistemas, v. 3, p. 11-23, 2008. Disponível em: <http://revista.feb.unesp.br/index.php/gepros/article/view/465>. Acesso em: 15 out. 2014.
Abstract: O estudo apresenta um levantamento de peças publicitárias impressas que utilizaram mensagens com apelo ambiental. Fez-se uma análise de conteúdo destas peças procurando identificar o apelo ambiental explicitado e os setores responsáveis pela veiculação. Foram utilizados exemplares de revista semanal, com ampla circulação nacional. Como forma de delimitação das “propagandas ecológicas” utilizou-se os critérios desenvolvidos por Enéias (2005), considerando os apelos visuais e discursivos da área ambiental, e os usados por Guimarães (2006), quais foram: relação entre produto/serviço e o meio biofísico; promoção de estilo de vida “verde” sem destacar um produto/serviço, e divulgação da imagem responsabilidade ambiental da corporação. A análise foi realizada no período de maio/2005 a abril/2007. Como resultado, o trabalho apresenta um panorama da utilização das estratégias do marketing ambiental no Brasil, mostrando que os setores da economia brasileira que mais se utilizaram destes recursos foram o bancário, o mínero-metalúrgico e o de cosméticos. Observou-se que as instituições estão mais preocupadas com a imagem a ser passada aos consumidores do que em mostrar os atributos ecológicos dos seus produtos. Da pesquisa, contatou-se que o apelo menos utilizado foi aquele que busca em promover o estilo de vida “ecologicamente correto”, normalmente veiculado por Organizações Não Governamentais.
metadata.dc.description.abstracten: This study presents a survey of printed advertisements with environmental appeal. The content of these advertisements was analyzed to identify environmental appeal and its vehicles of exposition. A weekly magazine of national circulation was used. The criteria developed by Eneias (2005) were used to delimit the “ecological advertisements” onsidering the visual and discursive appeals of the enviromental area, and the criteria used by Guimarães (2006), which were: the product/service relationship with the biophisical enviroment; promotion of a “green” life style without highlighting the product/service, and disclosure of the corporation’s enviromental responsibility image. The analysis was performed on from May (2005) to April (2007). As a result, this work presents a general view of the use of enviromental marketing strategies in Brazil showing that the economic sectors that used this resource the most were the banking sector, mining-metallurgy and cosmetics. Companies are more concerned with the images they give costumers than the ecological attributes of their products. This study found that the less used appeal was the one that seeks to promote the “enviromentally correct” life style, normally used by Non Governmental Organizations.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/4753
metadata.dc.identifier.doi: https://doi.org/10.15675/gepros.v3i3.465
ISSN: 1984-2430
metadata.dc.rights.license: A Revista GEPROS permite cópia e distribuição dos artigos para fins não comerciais e depósito da versão pós-print dos artigos. Fonte: Diadorim <http://diadorim.ibict.br/handle/1/630>. Acesso em: 27 jan. 2017.
Appears in Collections:DEAMB - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_PráticasProdutosAmbientalmente.pdf189,9 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.