Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/9033
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorSouza, Paula Iara Magalhães-
dc.contributor.authorSilva, Cinthia Rocha da-
dc.contributor.authorRegis, Ana Lúcia Rissoni dos Santos-
dc.date.accessioned2017-10-24T16:56:00Z-
dc.date.available2017-10-24T16:56:00Z-
dc.date.issued2016-
dc.identifier.citationSOUZA, P. I. M.; SILVA, C. R. da; REGIS. A. L. R. dos S. O ensino em Nutrição Clínica oferecido pelo curso de graduação de uma instituição federal superior propicia o direito do paciente ao cuidado clínico humanizado? Braspen j, v. 31, p. 357-361, 2016. Disponível em: <http://www.sbnpe.com.br/wp-content/uploads/2017/02/13-AO-O-ensino-em-nutri%C3%A7%C3%A3o.pdf>. Acesso em: 29 ago. 2017.pt_BR
dc.identifier.issn25257374-
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/9033-
dc.description.abstractIntrodução: O ensino em Nutrição Clínica deve ser um aliado do direito do paciente ao cuidado humanizado. Contudo, a literatura vem chamando a atenção de que os cursos de graduação em Nutrição têm dado pouca importância às dimensões ética e humana na trajetória de formação acadêmica do nutricionista. Método: Foram agrupados e analisados 118 estudos de caso clínico segundo os ciclos da vida humana, denominados: crianças e adolescentes, adultos e idosos, considerando-se as categorias diagnóstico, terapêutica e prognóstico. Nessas, examinaram-se as variáveis: participação do paciente, participação do acompanhante, materiais disponíveis, profissional adequado e equipe multiprofissional. O arcabouço teórico das disciplinas que compõem a área clínica constituiu instrumento para análise. Resultados: Apesar dos estudos de caso terem sido agrupados respeitando-se as faixas etárias distintas, foram obtidos resultados semelhantes entre os grupos. Observou-se que os discentes parecem não dar a devida importância às variáveis básicas das expressões humanizadoras, seja no diagnóstico, terapêutica ou prognóstico, visto que na maioria dos casos analisados as variáveis não foram problematizadas. Conclusão: A pesquisa aponta para a necessidade de mudança de conteúdo das disciplinas da área clínica, incluindo não apenas conceitos e teorias, mas, também, a prática clínica. Além disso, ela sensibiliza para a necessidade de problematização referente ao tema nos projetos políticos pedagógicos dos diversos cursos de Nutrição brasileiros.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.rightsrestritopt_BR
dc.subjectAssistência ao pacientept_BR
dc.subjectEstado nutricionalpt_BR
dc.subjectNutrição - ensinopt_BR
dc.subjectInstituições de ensino superiorpt_BR
dc.titleO ensino em Nutrição Clínica oferecido pelo curso de graduação de uma instituição federal superior propicia o direito do paciente ao cuidado clínico humanizado?pt_BR
dc.title.alternativeDoes teaching of Clinical Nutrition in a graduate higher federal institution course provides patient´s right to humanized clinical care?pt_BR
dc.typeArtigo publicado em periodicopt_BR
dc.description.abstractenIntroduction: Teaching of Clinical Nutrition should be an ally of the patient’s right to humane care. However, the literature has attracted the attention to the fact that undergraduate courses in Nutrition are giving little importance to ethical and human dimensions in the academic life of the nutritionist. Methods: 118 clinical cases studies, grouped according to the human life cycles, called: children and teenagers, adults and elderly. They were analyzed considering the categories diagnosis, treatment and prognosis. In these, the variables patient participation, companion participation, available materials, appropriate professional and multidisciplinary team. The instrument for analysis was constituted by the theoretical framework of the disciplines that make up the clinical area. Results: Although the cases studies have been grouped respecting the different aging groups, the datas indicate similarity between the results of each group. It was observed that the students do not seem to give real importance to the basic variables of humanizing expressions, whether in the diagnosis, treatment or prognosis, since in most cases analyzed variables were not problematized. Conclusion: The research points to the necessity of changes on the content of the subjects of the clinical area, including not only concepts and theories, but also clinical practice. Moreover, it raises awareness of the need for questioning regarding the topic in pedagogical political projects of a lot of Brazilian Nutrition courses.pt_BR
dc.identifier.uri2http://www.braspen.com.br/home/wp-content/uploads/2017/02/13-AO-O-ensino-em-nutri%C3%A7%C3%A3o.pdfpt_BR
Appears in Collections:DENCS - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_EnsinoNutriçãoClínica.pdf690,1 kBAdobe PDFView/Open    Request a copy


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.