Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/8924
Title: Crescimento urbano de Ouro Preto-MG entre 1950 e 2004 e atuais tendências.
Authors: Oliveira, Leandro Duque de
Sobreira, Frederico Garcia
Keywords: Evolução urbana
Análise temporal
Ouro Preto
Issue Date: 2015
Citation: OLIVEIRA, L. D. de; SOBREIRA, F. G. Crescimento urbano de Ouro Preto-MG entre 1950 e 2004 e atuais tendências. Revista Brasileira de Cartografia, v. 67/4, p. 867, 2015. Disponível em: <http://www.lsie.unb.br/rbc/index.php/rbc/article/viewFile/853/833>. Acesso em: 25 ago. 2017.
Abstract: A partir de 1950 o município de Ouro Preto - MG, que até então vivia uma fase de declínio em função do esgotamento do ouro e a transferência da capital para Belo Horizonte, iniciou a recuperação econômica impulsionado pela industrialização, incentivando o retorno populacional ao município. A cidade, centro político, econômico e educacional, evoluiu sobre condições físicas de relevo muito especiais, vales encaixados, encostas íngremes e rochas bastante alteradas. A ocupação sem planejamento resultou na inobservância dos métodos técnicos de construção e de utilização adequada do meio físico. O número de locais para a construção são reduzidos acarretando em problemas típicos como ocupação irregular de terrenos e em áreas de risco. O presente trabalho objetivou cartografar as direções dos movimentos populacionais durante cinco décadas numa área de 35 km². Fotografi as aéreas foram utilizadas para elaborar os mapas da evolução da área urbana de Ouro. Os procedimentos indicaram dez áreas atualmente com tendências a expansão urbana na cidade. Detectaram-se setores que são aptos a expansão enquanto outros devem ser controlados ou mesmo vetados para a ocupação urbana, procurando contribuir com a proposta de zoneamento do Plano Diretor e Lei de Uso e Ocupação do Solo do município.
metadata.dc.description.abstracten: From 1950 the city of Ouro Preto - MG, who until then lived a phase of decline, due to the depletion of gold, started the economic recovery driven by industrialization, encouraging a return to the city population. The city center of political, economic and educational evolved over physical conditions of very special importance, valleys and steep slopes, rocks altered. The occupation without planning resulted in the imprudence of the technical methods of set construction and proper use of the environment. The number of sites for construction are reduced, resulting in typical problems such as illegal occupation of land and in areas of risk. This study aimed to map out the directions of population movements during the fi ve decades that followed the city of Ouro Preto, an area of 35 k². Aerial photographs were used to produce maps of the urban area of Ouro Preto, landform map and map of mining areas. The procedures indicated ten areas with urban sprawl trends in the city. Were detected sectors that are able to expand while others must be controlled or even banned, trying to contribute to the proposed zoning of the Master Plan and the Law of use and occupation of the city.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/8924
ISSN: 05604613
metadata.dc.rights.license: Disponível sob uma licença Creatve Commons CC BY-NC que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho em qualquer suporte ou formato desde que sejam citados o autor e o licenciante. Não permite o uso para fins comerciais. Fonte: Revista Brasileira de Cartografia <http://www.lsie.unb.br/rbc/index.php/rbc/about/editorialPolicies#focusAndScope>. Acesso em: 15 jul. 2017.
Appears in Collections:DEAMB - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_CrescimentoUrbanoOuro.pdf1,34 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.