Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/8760
Title: A passagem da metafísica de artista para a tipologia do espírito livre em Nietzsche : um criar artístico e alegre contra a cultura moderna.
Authors: Gois, Pamela Cristina de
metadata.dc.contributor.advisor: Pimenta Neto, Olímpio José
Calomeni, Tereza Cristina Barreto
Keywords: Friedrich Wilhelm Nietzsche - 1844-1900
Issue Date: 2017
metadata.dc.contributor.referee: Pimenta Neto, Olímpio José
Calomeni, Tereza Cristina Barreto
Barrenechea, Miguel Angel
Souza, Guiomar Maria de Grammont Machado de Araújo
Citation: GOIS, Pamela Cristina de. A passagem da metafísica de artista para a tipologia do espírito livre em Nietzsche : um criar artístico e alegre contra a cultura moderna. 2017. 94 f. Dissertação (Mestrado em Estética e Filosofia da Arte) - Instituto de Filosofia, Artes e Cultura, Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2017.
Abstract: A passagem da metafísica de artista para a tipologia do espírito livre se caracteriza por muitas mudanças significativas no pensamento nietzschiano, mas também por permanências que devem ser consideradas, tal como iremos analisar nesta pesquisa. Para tanto, no primeiro capítulo estudaremos o período inicial da produção filosófica de Nietzsche, a fim de investigarmos a constituição da chamada “metafísica de artista”. Com relação ao segundo capítulo, a discussão também se baseia nas obras e escritos de juventude, porém, sob outra perspectiva, um outro olhar será lançado para este mesmo período. Trata-se de um viés que aproxima algumas questões colocadas na juventude de Nietzsche daquilo que o filósofo formula no chamado período intermediário, sobretudo no que diz respeito à crítica à moral e à cultura moderna. Por fim, a presente pesquisa tratará da obra Humano, demasiado humano, com o intuito de compreender o surgimento de um tipo filosófico, intitulado “espírito livre”. Assim, a partir do caminho percorrido e investigado, buscaremos demostrar nossa hipótese de que tal tipo filosófico nasce em um terreno muito propício, já preparado anteriormente e que se caracteriza enquanto uma vivência filosófica do próprio autor. Em outras palavras, Nietzsche já vinha formulando, desde sua chamada juventude, questões que fizeram germinar a ideia de “espírito livre”. Portanto, se por um lado, neste período, o filósofo rompe com a chamada “metafísica de artista”, por outro, ele mantém a cerne inicial do seu trabalho, que se assinala com certas particularidades em relação às primeiras obras, pela crítica à modernidade, pela afirmação da existência e pela ideia de criação constante de si mesmo.
metadata.dc.description.abstracten: This passagem of metaphysics from artit to the typology of free spirit so characterize by many changes of thinking from Nietzche, but also over keeping that should be considered, such as how we will analyze in this research. For this purpose, on the first chapter will approached the beginner period of filosophycal production´s Nietzche, to investigate the constituition named: “mataphysic ´s artist”. On the second chapter, the discussing is based on the productions and writing documents of youth Nietzche, but, under other perspcetive, a new perspective will be release to this period. It means of a slant that approximate some questions put in the youth´s Nietzche after that the philosopher formulates in the named intermediary period, above al about the criticismo even morale and the modern culture. At leats, this present search treats the Human, excessive human, with aim to understand the start of philosofic type, named “free spirit”. Thus, as of covered and investigated way, will seek to demonstrate our hypotesis about what type of philosopher emerges in a field very propitious, prepared before that characterize while a philosofic experiences about himself. In on onther words, Nietzche even coming formulating, since he was a Young man, questions that he germinates the idea: “free spirit”. Therefore, on the one hand, in this period, the philosopher breaks with “metaphysics´artist”, in another hand, he keep the initial essence of him work, that markes with specifities with respect the first Productions him, about the critical around modernity, to affirm the existence and the idea of creation constant himself.
Description: Programa de Pós-Graduação em Filosofia. Departamento de Filosofia, Instituto de Filosofia, Artes e Cultura, Universidade Federal de Ouro Preto.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/8760
metadata.dc.rights.license: Autorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo autor, 14/09/2017, com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0, que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho, desde que seja citado o autor e licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação desta.
Appears in Collections:PPGEFA - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO_PassagemMetafísicaArtistica.pdf924,89 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons