Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/8625
Title: Estado de dispersão de partículas de hematita em polpas na presença de reagentes.
Authors: Alexandrino, Júnia Soares
Peres, Antônio Eduardo Clark
Rodrigues, Otávia Martins Silva
Lopes, Gilmara Mendonça
Keywords: Minério de ferro
Hematita
Agregação
Dispersão
Issue Date: 2013
Citation: ALEXANDRINO, J. S. et al. Estado de dispersão de partículas de hematita em polpas na presença de reagentes. Ingeniería, Atacama, v. 29, p. 32-46, 2013. Disponível em: <http://www.revistaingenieria.uda.cl/Publicaciones/290004.pdf>. Acesso em: 20 jul. 2017.
Abstract: Os minérios de ferro a serem explotados estão com teores do mineral de interesse muitos baixos. Com a diminuição desses teores, ocorre uma necessidade maior de moer o minério em granulometrias mais finas. Os óxidos e hidróxidos metálicos, tais como os óxidos de ferro, tornam-se carregados quando dispersos em meio aquoso. As alterações ocorridas na superfície de óxidos e a formação de interface eletricamente carregada entre as partículas e o meio aquoso são controladas pelo pH e força iônica da solução em que são dispersos. Esses fatores levam à necessidade de se estudar o efeito da dispersão nas etapas de flotação, espessamento e filtragem. Este trabalho, em escala de laboratório, visou contribuir para a melhor compreensão do tratamento de minérios de ferro abordando a dispersão de polpas de hematita na presença de reagentes dispersantes ou agregantes. Foram avaliados quatorze reagentes orgânicos e inorgânicos nos ensaios de dispersão. O estudo da dispersão da hematita sem adição de reagentes mostrou uma diminuição do grau de dispersão na faixa de pH de 6,5 a 7,5. As adições de amido e fubá levaram a agregação da hematita em toda faixa de pH, enquanto a dextrina levou ao aumento do grau de dispersão, na faixa alcalina. O tanino, reagente orgânico natural, que não agride o meio ambiente em caso de descarte, apresentou um aumento no grau de dispersão da hematita, mesmo em concentrações mais baixas (150 g/t). O ácido cítrico também levou ao aumento do grau de dispersão da hematita. A razão SiO2 /Na2O é um fator que pode interferir na ação do silicato de sódio na flotação do minério de ferro. O silicato de sódio C112, com razão mais baixa, não alterou significativamente o grau de dispersão; o silicato de sódio R3342, com maior razão, foi o que levou ao maior grau de dispersão. Já o silicato de sódio R2252 apresentou um aumento do grau de dispersão por volta de pH 8,5. O Dismulgan V3377 não mostrou muita diferença no grau de dispersão em todas as dosagens, mostrando certa semelhança com a curva de hematita pura. O Dispersogen LFS e o Polymax T10 levaram ao aumento do grau de dispersão na faixa alcalina de pH. O Bozefloc AE 738 pode ser sugerido como floculante. Em pH 10,5 apresentou uma boa agregação nas dosagens de 500g/t e 1000g/t. O reagente Dispersol 589 apresentou, em todas as dosagens estudadas, um aumento altamente significativo do grau de dispersão em toda faixa de pH. Em pH = 10,5, o reagente Depramin 158 levou a um aumento significativo do grau de dispersão. Na faixa ácida de pH, esse reagente levou a um grau de dispersão de aproximadamente 50%.
metadata.dc.description.abstracten: The iron content in ores that will be mined is steadily decreasing. The lower grade ores require finer grinding. Metallic oxides and hydroxides such as iron oxides acquire electrical when dispersed in aqueous medium. The changes on the oxides surfaces and the formation of the electrically charged interface are controlled by the pH and the ionic force of the solution in which they are dispersed. The factors lead to the need of investigating the effect of dispersion on flotation, thickening, and filtration stages. This laboratory scale study aimed at contributing to a better understanding of iron ores processing addressing the dispersion of hematite pulps in the presence of dispersing or aggregating reagents. Fourteen organic and inorganic reagents were evaluated in dispersion experiments. The study of hematite dispersion in the absence of reagents showed a decrease in the dispersion degree in the pH range between 6.5 and 7.5. The additions of starch and ground corn (fubá) caused aggregation of hematite in the full pH range, while dextrin increased the dispersion degree in the alkaline range. Tannin, a natural organic reagent, not aggressive to the environment in case of disposal, increased the hematite dispersion degree even at low concentrations (150 g/t). Citric acid also increased the hematite dispersion degree. The SiO2 /Na2O ratio is a factor that may interfere in the action of sodium silicate in iron ore flotation. The sodium silicate - C112, presenting the lowest ratio, did not change significantly the dispersion degree; sodium silicate R3342, presenting the highest ratio, led to the highest dispersion degree. Sodium silicate R2252 caused an increase in the dispersion degree around pH 8.5. Dismulgan V3377 did not affect significantly the dispersion degree leading to results similar to those achieved in the absence of reagents. Dispersogen LFS and Polymax T10 increased the dispersion degree in the alkaline pH range. Bozefloc AE 738 may be suggested as flocculant, enhancing the aggregation at pH 10.5 at dosages of 500g/t and 1000g/t. Dispersol 589 caused, a significant increase in the dispersion degree in the full pH range. At pH = 10.5, Depramin 158 led enhanced significantly the dispersion degree. In the acidic pH range the dispersion degree reached approximately 50%.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/8625
metadata.dc.identifier.uri2: http://www.revistaingenieria.uda.cl/Publicaciones/290004.pdf
ISSN: 0716-3711
Appears in Collections:DEMIN - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_EstadoDispersãoParticulas.pdf353,71 kBAdobe PDFView/Open    Request a copy


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.