Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/8473
Title: Livro inútil ou Museu da Memória? : modernismo e identidade nacional em confissões de Minas.
Authors: Soares, Fernando César
metadata.dc.contributor.advisor: Maciel, Emílio Carlos Roscoe
Keywords: Modernismo
Identidade - conceito filosófico - na literatura
Carlos Drummond de Andrade
Memória
Issue Date: 2014
metadata.dc.contributor.referee: Maciel, Emílio Carlos Roscoe
Cury, Maria Zilda Ferreira
Machado, Carlos Eduardo Lima
Citation: SOARES, Fernando César. Livro inútil ou Museu da Memória?: modernismo e identidade nacional em confissões de Minas. 2014. 87 f. Dissertação (Mestrado em Letras) - Instituto de Ciências Humanas e Sociais, Universidade Federal de Ouro Preto, Mariana, 2014.
Abstract: Esta leitura de Confissões de Minas, primeira reunião de prosas de Carlos Drummond de Andrade, centra-se em dois fatores: o primeiro é a declaração do próprio autor sobre a intenção de construir um livro inútil, um termo que caracteriza o comentário leve da crônica e o segundo é a organização do livro em sessões temáticas que nos permite pensá-lo como um museu que organiza textos do passado escritos em momentos distintos. A partir destas perspectivas, utilizamos os pressupostos como os de Antonio Candido e João Adolfo Hansen presentes na Fortuna Crítica deste livro de Drummond a fim de discutir as escritas da memória drummondiana. Demais teóricos como Benedict Anderson e Hans-Georg Gadamer nos ajudam a fundamentar sobre as multifacetas do museu assimiláveis ao nosso objeto de estudo, compreendido como arquivo do modernismo brasileiro que reúne aspectos desde o movimento de vanguarda dos anos 20 ao poeta engajado de Sentimento de Mundo.
metadata.dc.description.abstracten: This reading of Confissões de Minas, which is held as the first collection of writings in prose by Carlos Drummond de Andrade, focus mainly on two elements. The first is the author‟s statement regarding his willingness to write an useless book, an expression featured by the light remark of the chronicle. The second element is the arrangement of the book in thematic sessions, which allow us to see it as a museum that organizes texts of the past written in different moments. In order to discuss Drummond‟s writings, this reading brings to light the Critical Fortune of the book, as well as its principles, some of which were proposed by Antônio Cândido and João Adolfo Hansen. We also base this research on the works by Benedict Anderson and Hans-Georg Gadamer, so we could bring to evidence the many sides of the museum, assimilable to our object of study, which can be understood as an archive of the Brazilian Modernism. This archive refers to aspects that vary from the avant-garde movement in the 20‟s to the committed poet of Sentimento do Mundo.
Description: Programa de Pós-Graduação em Letras. Departamento de Letras, Instituto de Ciências Humanas e Sociais, Universidade Federal de Ouro Preto.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/8473
metadata.dc.rights.license: Autorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo(a) autor(a) em 07/03/2017 com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0 que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho desde que sejam citados o autor e o licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação.
Appears in Collections:PPL - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTACAO_LivroInútilMuseu.pdf2,68 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons