Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/8252
Title: O salto da arte com relação aos fenômenos naturais : uma visão Schilleriana do sublime.
Authors: Araújo, Ana Karênina Trindade de
metadata.dc.contributor.advisor: Alves Júnior, Douglas Garcia
Keywords: Homem moral
Homem sensível
Arte trágica
Liberdade
Issue Date: 2016
metadata.dc.contributor.referee: Alves Júnior, Douglas Garcia
Pimenta Neto, Olímpio José
Pellejero, Eduardo Aníbal
Citation: ARAÚJO, Ana Karênina Trindade de. O salto da arte com relação aos fenômenos naturais : uma visão Schilleriana do sublime. 2016. 109 f. Dissertação (Mestrado em Estética e Filosofia da Arte) - Departamento de Filosofia, Instituto de Filosofia, Artes e Cultura, Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2016.
Abstract: Esta dissertação tem como objetivo abordar as questões que envolvem o conceito de sublime segundo a noção de Friedrich Schiller (1759 – 1805), no que tange às condições de aparecimento desse sentimento pela apreciação estética de uma obra de arte, mais especificamente na arte trágica. A ideia é apresentar como, após o estudo do texto kantiano Crítica da Faculdade do Juízo, Schiller devolve o lugar do sentimento de sublime ao lado da arte, não só por uma visão mais ampla do que se trata: a tragédia e as emoções que ela evoca no ânimo humano. O que está em jogo para Schiller é a possibilidade do homem alcançar uma liberdade moral pela apreciação estética. Esse encontro do homem com a liberdade foi tema principal do pensamento schilleriano cuja compreensão permite considerar que, pela arte se pode vencer as limitações do ser humano, como ser natural destinado à morte. A noção schilleriana de homem bipartido, em moral e sensível, deu a Schiller o impulso inicial para a exposição de suas ideias, tanto nos textos teóricos quanto na confecção de suas peças de maturidade.
metadata.dc.description.abstracten: The objective of this dissertation is to deal with the questions that involve the sublime concept according to the Friedrich Schiller notion, about the conditions of the appearance of this feeling for an aesthetic appreciation of an art work. The idea is to present how, after the study of Kantian text Critique Of the Faculty to Judge, Schiller returns the position of the sublime feeling on the side of the art not only because of the wide vision about tragic art and the emotions that it evokes in the human spirits, what is at stake for Schiller is the possibility of the man reaches the moral freedom which was the main subject of the Schillerian thought who understood that through the art it is possible to overcome the human being limitations, as a natural being destined to death. Schillerian bipartite theory of the moral and sensibility propelled Schiller to expose his ideas both in theoretical texts as in the elaboration of his mature parts.
Description: Programa de Pós-Graduação em Filosofia. Departamento de Filosofia, Instituto de Filosofia, Artes e Cultura, Universidade Federal de Ouro Preto.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/8252
metadata.dc.rights.license: Autorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo autor, 17/07/2017, com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0, que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho, desde que seja citado o autor e licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação desta.
Appears in Collections:PPGEFA - Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO_SaltoArteRelação.pdf951,77 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons