Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/jspui/handle/123456789/8163
Title: Os jogos e o imaginário : infância, subjetividade e conhecimento.
Authors: Meira, Thiago Carvalho
metadata.dc.contributor.advisor: Bortolini, Neide das Graças de Souza
Keywords: Jogo teatral
Jogo infantil
Imagem
Imaginação
Práticas psicomotoras
Issue Date: 2017
metadata.dc.contributor.referee: Bortolini, Neide das Graças de Souza
Figueiredo, Ricardo Carvalho
Ferreira, Melissa da Silva
Citation: MEIRA, Thiago Carvalho. Os jogos e o imaginário: infância, subjetividade e conhecimento. 2017. 120 f. Dissertação (Mestrado em Artes Cênicas) – Instituto de Filosofia, Artes e Cultura, Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2017.
Abstract: Estudo teórico-prático acerca do jogo e de seu caráter intersubjetivo. Ao tomar como base importantes conceitos acerca da infância e do imaginário, presentes nas obras de Sigmund Freud (1908), Michel Foucault (1966), Georges Didi-Huberman (1992), Italo Calvino (1988) Augusto Boal (1996), Jean-Pierre Ryngaert (1981), Richard Courtney (1980), Johan Huizinga (1938), Peter Slade (1978), Ingrid Koudela (2001), amplia-se a concepção do brincar e dos jogos teatrais. É possível afirmar que o jogo é essencial no percurso de construções entre identidade e alteridade. Apresentam-se duas formas de jogo que se complementam no que tange ao tema subjetividade e ao conhecimento da realidade. A primeira é a Psicomotricidade Relacional, fundamentada nos estudos de Suzana Veloso Cabral (2001), que propõe uma metodologia de jogos livres de interação entre crianças com objetos pouco estruturados, em espaços e tempos organizados. A segunda inspira-se no Arco-Íris do Desejo, em que Boal (1996) elabora uma série de jogos que tratam do “ver-se em situação”, contribuindo com a exposição das relações entre jogo e subjetividade. Sendo assim, são abertos os espaços para o estudo acerca dessas práticas na infância, uma vez que o jogo infantil é parâmetro para o entendimento de diversas situações vivenciadas na realidade. O jogo é também visto pelas suas possibilidades educacionais e terapêuticas, expressos no espaço estético em que acontece.
metadata.dc.description.abstracten: This is a theoretical-practical study about the dramatic play and its intersubjective characteristic. Starting at important concepts of childhood, playing and imagining, which can be found in the works of Sigmund Freud (1908), Michel Foucault (1966), Georges Didi-Huberman (1992), Italo Calvino (1988) Augusto Boal (1996), Jean-Pierre Ryngaert (1981), Richard Courtney (1980), Johan Huizinga (1938), Peter Slade (1978), Ingrid Koudela (2001), it is possible to widen the conception of playing and theatrical games. It is possible to state that the game is essential in the path between identity and otherness, self awareness and reality placement. Demonstrating these situations, two forms of dramatic plays are presented. They fulfill each other in the matter of subjectivity. The first one is the "Psicomotricidade Relacional", supported by the studies of Suzana Veloso Cabral (2001). In which is presented a methodology of games freed from interaction between subjects with non structured objects, in organized spaces and periods of time. The second one is inspired in the "Arco-Íris do Desejo", Boal (1996), in which was created a series of games that stimulated the "put yourself in the situation", contributing in the presentation of the relationships between playing and subjectivity. Thus, spaces will be opened for the study of childhood, once the child theatrical game is parameter for the understanding of several situations observed in the reality. The play is also taken for its educational and therapeutic possibilities, expressed in the aesthetic space in which it happens.
Description: Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas. Instituto de Filosofia, Artes e Cultura, Universidade Federal de Ouro Preto.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/8163
metadata.dc.rights.license: Autorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo(a) autor(a) em 28/06/2017 com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0 que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho desde que sejam citados o autor e o licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação.
Appears in Collections:PPGAC - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO_JogosImaginárioInfância.pdf1,65 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons