Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/7152
Title: Tempo de Perdão? Uma leitura da utopia escatológica de Paul Ricoeur em A memória, a história e o esquecimento.
Other Titles: Time of Forgiveness? A reading of the eschatological utopia of Paul Ricoeur in Memory, History, Forgetting
Authors: Pereira, Mateus Henrique de Faria
Keywords: Justiça
Ética
Justice
Ethics
Issue Date: 2015
Citation: PEREIRA, M. H. F. Tempo de Perdão? Uma leitura da utopia escatológica de Paul Ricoeur em A memória, a história e o esquecimento. História da Historiografia, Ouro Preto, n. 19, p. 66-87, dez. 2015. Disponível em: <https://www.historiadahistoriografia.com.br/revista/article/view/897/596>. Acesso em: 24 jan. 2017.
Abstract: Para refletir sobre a relação entre perdão e história, o texto propõe uma leitura da contribuição teórica elaborada por Paul Ricoeur no livro A memória, a história e o esquecimento. A hipótese é que o “perdão difícil”, proposto pelo filósofo como um “horizonte comum” da memória, da história e do esquecimento, pode ser lido como uma utopia. No entanto, essa utopia exige algumas pré-condições para a sua realização. Enfatizaremos uma dessas pré-condições: a justiça. A fim de delimitar e compreender essa pré-condição e também uma po-ética do perdão, procura-se refletir sobre algumas dimensões da relação entre perdão, justiça, memória, anistia e esquecimento. Ao final, destacamos algumas dificuldades da experiência do perdão tendo em vista a experiência histórica brasileira recente.
metadata.dc.description.abstracten: This article deals with the relationship between forgiveness and history. This it proposes an theoretical contribution on the book Memory, History, Forgetting of Paul Ricoeur. The hypothesis is that the “difficult forgiveness”, proposed by the philosopher as a “common horizon” of memory, history and forgetting, can be taken as an utopia. However, this utopia requires some preconditions for its realization. We emphasize one of these preconditions: justice. In order to define and understand these preconditions or even an ethic of forgiveness, we search to reflect on some dimensions of the relationship among forgiveness, memory, amnesty, forgetting and justice. At last, we focused on some difficulties of the experience of forgiveness according to Brazil’s recent historical experience.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/7152
metadata.dc.identifier.uri2: https://www.historiadahistoriografia.com.br/revista/article/view/897/596
ISSN: 19839928
Appears in Collections:DEHIS - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_TempoPerdãoLeitura.pdf327,07 kBAdobe PDFView/Open    Request a copy


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.