Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/6847
Title: Teoria da agência no financiamento de empresas de base tecnológica.
Other Titles: Agency theory in the financing of technology-based companies.
Authors: Paula, Helton Cristian de
Keywords: Private equity
Venture capital
Teoria da agência
Empresas de base tecnológica
Issue Date: 2015
Citation: PAULA, H. C. de. Teoria da agência no financiamento de empresas de base tecnológica. Perspectivas Contemporâneas, v. 10, p. 88-103, 2015. Disponível em: <http://revista2.grupointegrado.br/revista/index.php/perspectivascontemporaneas/article/view/1312>. Acesso em: 07 ago. 2016.
Abstract: Os fundos de Private Equity - PE e Venture Capital – VC são reconhecidos como uma alternativa para financiar investimento em Empresas de Base Tecnológica – EBT. Esses fundos tornam-se acionistas das EBT’s, porém, devido a algumas particularidades dessa modalidade de investimento, a relação entre agente e principal é diferente dos investimentos tradicionais. A partir deste contexto, esta pesquisa se propõe a investigar de que forma a Teoria da Agência se manifesta na relação entre os fundos PE e VC e as empresas financiadas, através de pesquisa bibliográfica e análise documental. A revisão da literatura sobre PE, VC, EBT e Teoria da Agência indica que a modalidade de investimento de capital de risco apresenta uma dinâmica que faz com que os fundos de PE e VC exerçam ao mesmo tempo a função de Principal e de Agente. A perspectiva múltipla dos fundos demonstra a relevância de sua atuação tanto do ponto de vista do investidor, como opção de investimento com possibilidade de maiores retornos, quanto do ponto de vista do empreendedor, representando opção de financiamento e de profissionalização da gestão do negócio, além de se constituir um complemento aos esforços governamentais para fomentar o desenvolvimento tecnológico nos países.
metadata.dc.description.abstracten: Private Equity Funds - PE and Venture Capital - VC are recognized as an alternative to finance investment in technology-based companies - EBT. These funds become shareholders of the EBT's, but due to some peculiarities of this type of investment, the relationship between agent and principal is different from traditional investments. From this context, this research aims to investigate how the Agency Theory is manifested in the relationship between PE and VC funds and funded companies through literature search and document analysis. The literature review on PE, VC, EBT and Agency Theory indicates that this type of investment presents a dynamic that makes the PE and VC funds while exercising the function of Principal and Agent. The multiple prospect of the funds demonstrates the importance of their action both from the standpoint of the investor, as an investment option with the possibility of higher returns, as the entrepreneur's point of view, representing financing option and professionalization of business management, and to be a complement to government efforts to foster technological development in countries.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/6847
ISSN: 1980-0193
metadata.dc.rights.license: Todo o conteúdo do periódico Perspectivas Contemporâneas, exceto onde está identificado, está sob Licença Creative Commons que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho, desde que seja citado o autor e licenciante. Não permite o uso para fins comerciais. Fonte: Perspectivas Contemporâneas <http://revista2.grupointegrado.br/revista/index.php/perspectivascontemporaneas/index>. Acesso em: 27 set. 2019.
Appears in Collections:DEGEP - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_TeoriaAgênciaFinanciamento.pdf361,02 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.