Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/6430
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorRibeiro, Luís Fernando Martinspt_BR
dc.contributor.authorPresotti, Ednelson da Silva-
dc.date.accessioned2016-04-25T14:45:15Z-
dc.date.available2016-04-25T14:45:15Z-
dc.date.issued2002-
dc.identifier.citationPRESOTTI, Ednelson da Silva. Influência do teor de ferro nos parâmetros de resistência de um rejeito de minério de ferro. 2002. 153 f. Dissertação (Mestrado em Geotecnia) - Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2002.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/6430-
dc.descriptionPrograma de Pós-Graduação em Geotecnia. Núcleo de Geotecnia, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto.pt_BR
dc.description.abstractA grande evolução tecnológica do processo de concentração mineral tem proporcionado o enriquecimento de jazidas de baixo teor metálico, contudo esta evolução tem resultado em volumes cada vez maiores de rejeitos gerados no beneficiamento destes minérios. Neste contexto, a necessidade de armazenagem destes grandes volumes de rejeito tem exigido uma evolução nas alternativas de disposição e tecnologias de controle de qualidade destas estruturas. De uma maneira geral, as mineradoras têm adotado como alternativa de disposição a execução de barragens de contenção construídas com o próprio rejeito visando aumentar a capacidade de estocagem. Na construção destas barragens o rejeito é lançado de forma quase aleatória sem o controle das variáveis de descarga da lama. Assim o processo de deposição juntamente com as características do rejeito tendem a condicionar um padrão de segregação de partículas que ocorre na praia. A influência das características do rejeito de minério de ferro está relacionada às diferenças na sua composição mineralógica condicionando principalmente as diferenças no valor da densidade, devido principalmente a presença das partículas de ferro. Assim, em função do processo de segregação, pode-se encontrar em determinadas regiões da barragem de rejeitos, zonas de alta concentração de partículas de ferro. Estas regiões normalmente apresentam densidades diferentes em função do teor de ferro e consequentemente propriedades geotécnicas distintas. Neste contexto, a proposta desta dissertação é investigar a influência do teor de ferro nas propriedades geotécnicas do rejeito, enfatizando sua influência nos parâmetros de resistência de um rejeito de minério de ferro. Estes parâmetros foram obtidos a partir de ensaios triaxiais drenados realizados em amostras com diferentes teores de ferro obtidas a partir de ensaios de simulação de deposição hidráulica (RIBEIRO, 2000). Com base nesta investigação foram obtidas correlações entre o teor de ferro, granulometria e porosidade das amostras, enfatizando a influência destes parâmetros no valor do ângulo de atrito deste rejeito.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.rightsabertopt_BR
dc.subjectSistemas de disposiçãopt_BR
dc.subjectTecnologia de rejeitospt_BR
dc.titleInfluência do teor de ferro nos parâmetros de resistência de um rejeito de minério de ferro.pt_BR
dc.typeDissertacaopt_BR
dc.rights.licenseOpen accesspt_BR
dc.contributor.refereeOliveira Filho, Waldyr Lopes dept_BR
dc.contributor.refereeAssis, André Pacheco dept_BR
dc.description.abstractenTechnological advances on ore concentration processes have allowed the utilisation of ore deposits that once are judged to be poor. However, this growing ore exploitation results in more and more mining tailings to be disposed. In this context, the growing demand for disposal sites is responsible for a technological evolution and alternative solutions, once these sites require complex structures to contain and store the tailings. In general, most of mining companies have adopted the solution of using the tailings themselves as material for dam construction, so as to increase the storage capacity. There are some methods for tailing dam construction, being the “upstream” method the most used by mining companies. Although this method is very attractive for economical reasons, it is indeed the least recommend, because of safety reasons, once low geotechnical control is allowed in this method. The deposition process along with the tailing characteristics give rise to a segregation pattern in the beach. The influence of the tailing characteristics is related to differences in its mineralogical composition, which, in turn, is conditioned by differences in its density. It is worth to mention also the presence of iron particles in iron ore tailings. In this way, zones of high iron particles concentration can be found on tailing dams due to the process of segregation. It means that specific zones of the dam tends to concentrate iron particles, and this leads to higher densities and different geotechnical properties. The main purpose of this dissertation is to investigate the influence of iron particle concentration on the geotechnical properties of iron ore tailings, focusing on the shear strength parameters. These parameters are obtained through the triaxial tests on samples from other hydraulic deposition simulation tests (RIBEIRO, 2000), presenting different iron concentrations. With the resultant data it was possible to correlate the iron concentration, grain size distribution and porosity of the samples, with emphasis on the influence of these parameters on the friction angle of the tailings as a whole.-
Appears in Collections:POSGEO - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO_InfluênciaTeorParâmetros.pdf2,09 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons