Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/jspui/handle/123456789/6041
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorRodrigues, Aline Sueli de Lima-
dc.contributor.authorCastro, Paulo de Tarso Amorim-
dc.date.accessioned2016-01-14T18:05:45Z-
dc.date.available2016-01-14T18:05:45Z-
dc.date.issued2008-
dc.identifier.citationRODRIGUES, A. S. de L.; CASTRO, P. de T. A. Adaptation of a rapid assessment protocol for rivers on rocky meadows. Acta Limnologica Brasiliensia, v. 20, p. 291-303, 2008. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/ambiagua/v7n2/v7n2a18.pdf>. Acesso em: 12 nov. 2015.pt_BR
dc.identifier.issn2179-975X-
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/6041-
dc.description.abstractEste trabalho visou adaptar um protocolo de avaliação rápida para trechos de rios de alto e baixo curso inseridos em campos rupestres tomando-se como “situação referência” as condições ambientais encontradas no interior do Parque Estadual do Itacolomi, Ouro Preto-MG. Protocolos similares têm sido empregados em programas de monitoramento de recursos hídricos em países como Estados Unidos, Grã-Bretanha, Canadá, Alemanha e Austrália. Os parâmetros propostos foram: substratos e/ou habitat disponíveis; substrato em poços; soterramento; regimes de velocidade/profundidade; diversidade de poços; deposição de sedimentos; condições de escoamento do canal; alterações no canal; sinuosidade do canal; freqüência de corredeiras; estabilidade das margens; proteção das margens pela vegetação e estado de conservação da vegetação do entorno. Para cada parâmetro uma pontuação, entre 0 e 20 pontos, correspondente à condição ambiental é atribuída e os valores são distribuídos de acordo com o gradiente de estresse ambiental verificado no local da avaliação, podendo variar desde uma condição considerada “ótima”, até uma condição “péssima”, passando por situações intermediárias “boa” e “regular”. Após a adequação do protocolo foi realizada uma oficina de monitoramento ambiental em que 42 voluntários aplicaram o protocolo em dois trechos selecionados na área de estudo, a fim de realizar uma avaliação do método quanto à aplicabilidade, clareza e possíveis inadequações dos parâmetros propostos. A análise do padrão de respostas dos voluntários mostrou-se consistente, refletindo um bom entendimento dos parâmetros. A adequação e a utilização do protocolo podem ser consideradas etapas para a preservação de recursos hídricos, podendo ainda ser utilizado em estudos de avaliação de impacto ambiental em áreas degradadas (inseridas no contexto ambiental estudado) e como ferramenta que permite a participação social no processo de gerenciamento e monitoramento dos recursos hídricos.pt_BR
dc.language.isoen_USpt_BR
dc.subjectMonitoringpt_BR
dc.subjectEnvironmental evaluationpt_BR
dc.subjectManagementpt_BR
dc.subjectWater resourcespt_BR
dc.titleAdaptation of a rapid assessment protocol for rivers on rocky meadows.pt_BR
dc.title.alternativeAdaptação de um protocolo de avaliação rápida para rios em campos rupestres.pt_BR
dc.typeArtigo publicado em periodicopt_BR
dc.rights.licenseTodo o conteúdo do periódico Biota Neotrópica, exceto onde identificado, está sob uma licença Creative Commons que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho em qualquer suporte ou formato desde que sejam citados o autor e o licenciante. Não permite o uso para fins comerciais. Fonte: Biota Neotrópica <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_serial&pid=1676-0603&lng=en&nrm=iso>. Acesso em: 19 ago. 2019.pt_BR
dc.description.abstractenThis work aims to adapt a rapid river assessment protocol to be used in rocky meadows of Minas Gerais State highlands, taking as a “reference situation” the environmental conditions found inside the Itacolomi State Park in Ouro Preto (Minas Gerais, Brazil). Similar protocols have been used in the United States, Great Britain and Australia in water resources monitoring programs. The following parameters were proposed: substrates and/or habitats available; substrates in pools; embeddedness; speed/depth regimes; diversity of pools; sediment deposition; channel flow status; channel alteration; channel sinuosity; frequency of riffles; bank stability; vegetation protection and nearby channel vegetation status. For each parameter, a rank from 0 to 20, corresponding to the environmental condition, was attributed and the values were distributed according to the environmental stress gradient verified at the evaluation site, which varied from “poor”, “regular”, “good” to “excellent”. After the adaptation of the protocol, an environmental monitoring workshop was offered to volunteer students. In order to evaluate applicability, clarity and possible inadequacy of the parameters proposed, 42 volunteers were selected in order to apply the protocol in two selected sections of the study area. The volunteers’ response pattern was consistent, reflecting good understanding of the parameters proposed. In summary, adaptation and use of the protocol can be considered steps for the preservation of water resources. It can also be useful in environmental impact assessment studies of degraded areas (inserted in the studied environmental context) and as a tool to be used by the community in managing and monitoring of water resources.-
Appears in Collections:DEGEO - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_AdaptationRapidAssessment.pdf484,54 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.