Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/5956
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorPassos, Maria Cristina-
dc.contributor.authorLamounier, Joel Alves-
dc.contributor.authorSilva, Camilo Adalton Mariano da-
dc.contributor.authorFreitas, Silvia Nascimento de-
dc.contributor.authorBaudson, Maria de Fátima Reis-
dc.date.accessioned2015-12-10T16:22:54Z-
dc.date.available2015-12-10T16:22:54Z-
dc.date.issued2000-
dc.identifier.citationPASSOS, M. C. et al. Práticas de amamentação no município de Ouro Preto, MG, Brasil. Revista de Saúde Pública, São Paulo, v. 34, n. 6, p. 617-622, 2000. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/rsp/v34n6/3576.pdf>. Acesso em: 21 out. 2015.pt_BR
dc.identifier.issn1518-8787-
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/5956-
dc.description.abstractObjetivo Conhecer a freqüência e a duração mediana das práticas de aleitamento materno em crianças de 0-24 meses no município de Ouro Preto, MG. Métodos Estudo epidemiológico tipo transversal em amostra estratificada de 229 crianças provenientes de 1.800 domicílios, visitados em 1996 e sorteados por conglomerado em três estágios. A freqüência e a duração mediana das práticas foram calculadas mediante tábua de vida. Resultados A duração mediana da amamentação foi de 198 dias, sendo de 71 dias para a amamentação exclusiva somada à predominante e 17 dias para a amamentação exclusiva. Conclusão Embora a maioria das mães amamente seus filhos ao nascer, a introdução de outros alimentos ainda é bastante prematura, fato que justifica a necessidade de intervenções para prevenir o desmame parcial e/ou total precoce.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectAleitamento maternopt_BR
dc.subjectDesmamept_BR
dc.subjectBem-estar da criançapt_BR
dc.subjectAlimentação infantilpt_BR
dc.titlePráticas de amamentação no município de Ouro Preto, MG, Brasil.pt_BR
dc.title.alternativeBreast-feeding habits in Ouro Preto, MG, Brazil.pt_BR
dc.typeArtigo publicado em periodicopt_BR
dc.rights.licenseTodo o conteúdo do periódico Revista de Saúde Pública, exceto onde identificado, está sob uma licença Creative Commons que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho em qualquer suporte ou formato desde que sejam citados o autor e o licenciante. Não permite o uso para fins comerciais. Fonte: Revista de Saúde Pública <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_serial&pid=0034-8910&lng=en&nrm=iso>. Acesso em: 19 ago. 2019.pt_BR
dc.description.abstractenObjective To identify the frequency and median duration of breast-feeding in children aged 0- 24 months in the city of Ouro Preto, Brazil. Methods A cross-sectional study was carried out to identify the median duration of breastfeeding in children aged 0-24 months. A sample of 229 children from 1800 households was drawn by clusters at three different occasions and stratified according to the area (urban or rural). The frequency and median duration of breastfeeding were calculated using the life table technique. Results A median duration of 198 days was found for breast-feeding as a whole: 71 days for the group of exclusive plus mainly breastfeeding and 17 days for exclusive breastfeeding. Conclusion The current pattern of breast-feeding is of a short-term practice. This evidence suggests the need for intervention programs to promote breast-feeding for longer periods and delay the introduction of food supplementation, preventing the early weaning.-
dc.identifier.doihttp://dx.doi.org/10.1590/S0034-89102000000600009-
Appears in Collections:DENCS - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_PráticasAmamentaçãoMunicípio.pdf125,27 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.