Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/jspui/handle/123456789/5776
Title: A roupa nova do presidente : a politização da imagem pública de Jânio Quadros (1947-1961).
Authors: Queler, Jefferson José
Keywords: Democracia cristã
Política
Christian democracy
Independent foreign policy
Issue Date: 2011
Citation: QUELER, J. J. A roupa nova do presidente: a politização da imagem pública de Jânio Quadros (1947-1961). Anais do Museu Paulista, São Paulo, v. 19, n. 2, p. 45-69, jul./dez. 2011. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/anaismp/v19n2/a02v19n2.pdf>. Acesso em: 05 nov. 2015.
Abstract: A imagem pública de Jânio Quadros é frequentemente considerada como desprovida de quaisquer significados políticos, seja por historiadores ou pela memória coletiva. Na maioria dos casos, ele é tratado como um demagogo que se promovia apenas através de seu personalismo, exibindo-se em suas aparições públicas despenteado e com camisas abertas no colarinho. Tal perspectiva está profundamente relacionada com a forma pela qual seus oponentes e inimigos o representavam nos debates políticos, e em seu cerne foi bem-sucedida, tendo penetrado na historiografia. Neste texto, porém, pretendo sugerir que, perpassando a década de 1950 e o início da de 1960, desde o início de sua carreira até o momento em que disputou eleições presidenciais e foi o presidente do Brasil, as imagens de Jânio veiculavam um amplo leque de sentidos políticos. Por meio de gestos e roupas, destacando-se aí seus slacks indianos, ele procurou expressar seus projetos relacionados à Democracia Cristã e à Política Externa Independente. Para lidar com essa hipótese, as principais fontes fotográficas e textuais elencadas são as revistas O Cruzeiro e Manchete da época, e outras fotos e ilustrações que então foram bastante difundidas.
metadata.dc.description.abstracten: Jânio Quadros public image is often considered deprived of any political meaning either by historians or by collective memory. In most cases he is treated as a demagogue who promoted himself only through his personalism, which could be seen in his public appearances unkempt and with open-necked shirts. Such perspective is deeply related to the way his opponents and enemies represented him in the political debates, and its core has been successful in penetrating the historiography. However in this text I intend to suggest that Jânio’s images conveyed an array of political senses during the 1950s and early 1960s, since the beginning of his career till when he disputed presidential elections and ruled Brazil as president. Through his gestures and clothes, among which his Indian slacks deserve more attention, he tried to express his project related to the Christian Democracy and the Independent Foreign Policy. To deal with such hypothesis, the main sources will be the magazines O Cruzeiro and Manchete and others photos and drawings that were considerably widespread at that time.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/5776
metadata.dc.identifier.doi: http://dx.doi.org/10.1590/S0101-47142011000200003
ISSN: 0101-4714
metadata.dc.rights.license: Todo o conteúdo do periódico Anais do Museu Paulista, exceto onde identificado, está sob uma licença Creative Commons 4.0 que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho em qualquer suporte ou formato desde que sejam citados o autor e o licenciante. Fonte: Anais do Museu Paulista <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_serial&pid=0101-4714&lng=en&nrm=iso>. Acesso em: 14 out. 2016.
Appears in Collections:DEHIS - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_RoupaNovaPresidente.pdf623,59 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.