Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/5565
Title: Jogadores juvenis de futebol submetidos a treinamento generalista e diferença na potência aeróbia em consequência de seu posicionamento tático em campo.
Other Titles: General training of youth soccer player and differences in aerobic power in consequence of his tactical position.
Authors: Ramos, Marcelo Ribeiro
Rocha, Cristiano Andrade Quintão Coelho
Paixão, Jairo Antônio da
Tucher, Guilherme
Keywords: Futebol
Consumo de oxigênio
Tactics
Physical performance
Issue Date: 2012
Citation: RAMOS, M. R. et al. Jogadores juvenis de futebol submetidos a treinamento generalista e diferença na potência aeróbia em consequência de seu posicionamento tático em campo. Conexões, Campinas, v. 10, p. 38-49, 2012. Disponível em: <http://fefnet178.fef.unicamp.br/ojs/index.php/fef/article/view/793>. Acesso em: 16 mar. 2015.
Abstract: O presente estudo objetivou analisar se há diferença no VO2 máximo de jogadores juvenis de futebol em decorrência de seu posicionamento tático em jogo apesar de realizarem um treinamento físico generalista. Participaram desse estudo 27 futebolistas do sexo masculino da categoria juvenil de um clube de futebol com experiência competitiva de mais de dois anos na modalidade. O grupo foi dividido em zagueiros (G1; n=8), meio campistas e laterais (G2; n=10) e, finalmente, atacantes (G3; n=9). Para o desenvolvimento físico dos atletas, não houve especificação do treinamento entre as funções táticas assumidas em jogo. Torneios de menor importância também foram utilizados como forma de treinamento no início da temporada. O VO2máx foi avaliado através do teste de corrida de vai-e-vem aplicado no próprio campo de treinamento. Encontrou-se diferença significativa entre o VO2máx de G1 e G2 (p = 0,002) e entre G2 e G3 (p = 0,003). Não foi encontrada diferença no VO2máx entre G1 e G3 (p = 0,938). Os meio campistas e laterais apresentaram maior VO2 máximo mesmo que a condução do treinamento não privilegie diferenças em decorrência de sua função tática em campo. __________________________________________________________________
ABSTRACT: The study aimed to evaluate the differences in O2 uptake of youth soccer players due to his tactical positioning game although his general training. The sample consisted of 27 male soccer players from the youth category of a same club. The group was divided into defenders (G1, n = 8), midfielders and sides (G2, n = 10), and forwards (G3, n = 9). The O2uptake was measured by multistage 20m shuttle runapplied in own training camp. The results showed a significant difference between O2 uptake of G1 and G2 (p = 0.002) and between G2 and G3 (p = 0.003). No difference was found in O2 uptake between G1 and G3 (p = 0.938). The midfielders and side players had higher O2 uptake even if the management of the training focused not due to differences in their tactics depending on the field.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/5565
ISSN: 19839030
metadata.dc.rights.license: Em virtude de aparecerem nesta Revista de acesso público, os artigos são de uso gratuito, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais. Fonte: Conexões - Revista da Faculdade de Educação Física <http://fefnet178.fef.unicamp.br/ojs/index.php/fef/about/submissions#copyrightNotice>. Disponível em: 15 mar. 2015.
Appears in Collections:DEEFD - Artigos Publicados em Periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_JogadoresJuvenisFutebol.pdf98,29 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.