Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/jspui/handle/123456789/4106
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorCosta, Geraldo Magela dapt_BR
dc.contributor.authorHerzog, Larissa Ribeiro-
dc.date.accessioned2014-12-09T15:08:25Z-
dc.date.available2014-12-09T15:08:25Z-
dc.date.issued2009-
dc.identifier.citationHERZOG, L. R. Estudo das formas de ocorrência de fósforo em minérios de manganês. 2009. 86 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Mineral) - Universidade Federal de Ouro Preto, Escola de Minas, Ouro Preto, 2009.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/4106-
dc.descriptionPrograma de Pós-Graduação em Engenharia Mineral. Departamento de Engenharia de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto.pt_BR
dc.description.abstractEste trabalho visou o estudo das principais formas de ocorrência de fósforo em minérios de manganês, com o intuito de conhecer como o fósforo está presente nestes minérios, objetivando buscar alternativas para a redução do teor deste elemento. Foram estudadas seis amostras distintas provenientes da Mina do Azul e da Mina de Urucum, ambas pertencentes à Vale. A metodologia utilizada para desenvolvimento do trabalho englobou técnicas de caracterização, passando por análises químicas, difração de raios-X, espectroscopia Mössbauer e microscopia ótica. Para identificação da fase mineralógica à qual o fósforo está associado foram realizadas extrações com peróxido de hidrogênio das amostras com objetivo de extrair seletivamente o manganês do ferro. Os resultados sugeriram que o fósforo estaria associado ao ferro em algumas amostras. Sendo assim, a partir do resíduo desta extração, foi realizada a extração com o sistema ditionito-citrato-bicarbonato com o intuito de conhecer a qual forma de ferro o fósforo estaria ligado. Os resultados indicaram que na mina do Azul, o fósforo está associado aos óxidos de ferro estando preferencialmente ligado ao mineral goethita em todas as amostras, exceto a amostra Detrítico, onde o fósforo foi encontrado na forma de um fosfato. Na mina de Urucum, a amostra Brilho do Aço apresentou fósforo na forma de um fosfato e na amostra Baixo Fósforo, o fósforo foi encontrado na forma de fosfato e ligado aos óxidos de ferro, preferencialmente ao mineral goethita.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectManganêspt_BR
dc.subjectFósforopt_BR
dc.subjectFerropt_BR
dc.titleEstudo das formas de ocorrência de fósforo em minérios de manganês.pt_BR
dc.typeDissertacaopt_BR
dc.rights.licenseAutorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo autor, 13/11/2014, com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 3.0, que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho, desde que seja citado o autor e licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação desta.pt_BR
dc.description.abstractenThis work aims to study the main forms of occurrence of phosphorus in manganese ores in order to know how this element is present in the ores. Six different samples were studied from the Azul mine and Urucum mine, both from Vale. The methodology used in this work included characterization techniques such as chemical analysis, X-ray diffraction, Mössbauer spectroscopy and optical microscopy. To identify the mineral phase to which the phosphorus is associated, chemical extractions to selectively extract the manganese from iron were performed with hydrogen peroxide. The results suggested that the phosphorus is associated with iron in some samples. Thus, the residues of the hydrogen peroxide extractions were submitted to a new extraction with the dithionite-citrate-bicarbonate system in order to know which form of iron is linked to phosphorus. The results indicated that in the Azul Mine phosphorus is associated with iron oxides, preferably connected to goethite in all, with exception of Detritic sample were phosphorus occurs as a phosphate mineral At the Urucum mine, the sample Brilho do Aço showed phosphorus as a phosphate and in the sample Baixo Fósforo, the phosphorus was found as a phosphate and part linked to iron oxides, preferably to the mineral goethite.-
Appears in Collections:PPGEM - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO_EstudoFormasOcorrência.pdf2,14 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons