Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/4096
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorMessias, Maria Cristina Teixeira Braga-
dc.contributor.authorTonaco, Auria Cordeiro-
dc.contributor.authorMeira Neto, João Augusto Alves-
dc.contributor.authorLeite, Mariangela Garcia Praça-
dc.date.accessioned2014-12-04T16:46:10Z-
dc.date.available2014-12-04T16:46:10Z-
dc.date.issued2012-
dc.identifier.citationMESSIAS, M. C. T. B. et al. Levantamento florístico de um campo rupestre ferruginoso na Serra de Antonio Pereira, Ouro Preto, Minas Gerais. MG Biota, v. 5, p. 4-18, 2012. Disponível em: <http://www.ief.mg.gov.br/images/stories/mg_biota/2014/mg.biota%20v.5%20n.3.pdf>. Acesso em: 07 out. 2014.pt_BR
dc.identifier.issn1983-3687-
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/4096-
dc.description.abstractOs campos ferruginosos contribuem significativamente para a biodiversidade de Minas Gerais, abrigando diversas espécies endêmicas e ameaçadas de extinção. Apesar disso, encontram-se extremamente ameaçados, principalmente pela atividade de mineração. Muitas áreas ainda carecem de estudos florísticos. Este trabalho relata sobre a flora de um campo ferruginoso situado a sudeste do Quadrilátero Ferrífero. Foram identificadas 224 espécies reunidas em 62 famílias. Destas, algumas figuram em listas de espécies ameaçadas de extinção. Foi verificada uma baixa similaridade entre a área estudada com outros campos ferruginosos, corroborando a ideia de alta diversidade beta desses campos. Este estudo contribui para o conhecimento da diversidade da flora dos campos ferruginosos, subsidiando a definição de áreas prioritárias a serem preservadas e atividades de recuperação de áreas degradadas usando espécies nativas.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectCampos ferruginosospt_BR
dc.subjectCampos rupestrespt_BR
dc.subjectRocky outcropspt_BR
dc.subjectFlorapt_BR
dc.titleLevantamento florístico de um campo rupestre ferruginoso na Serra de Antonio Pereira, Ouro Preto, Minas Gerais.pt_BR
dc.typeArtigo publicado em periodicopt_BR
dc.rights.licenseA Revista MG Biota permite que o Repositório Institucional da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) deposite uma cópia eletrônica dos artigos publicados por esse periódico em que ao menos um dos autores faça parte da comunidade cientifica da UFOP. Fonte: Licença concedida mediante preenchimento de formulário no dia de 29 out. de 2014.pt_BR
dc.description.abstractenFerruginous rocky outcrops contribute significantly to the biodiversity of Minas Gerais, harboring many endemic and endangered species. Nevertheless, these areas are highly threatened, mainly by mining activity. Many areas still lack floristic studies. This paper reports on the flora of a ferruginous rocky outcrop located southeast of the Iron Quadrangle. There were found 224 species grouped in 62 families. Some of them are found in red lists. A low floristic similarity with other ferruginous areas was verified, corroborating the idea of high beta diversity of these fields. This study contributes to knowledge about the diversity of the flora of ferruginous fields, supporting the definition of priority areas to be preserved and restoration projects of degraded areas using native species.-
Appears in Collections:DEGEO - Artigos de periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_LevantamentoFloristicoCampo.pdf358,41 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.