Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/3861
Title: Four Brazilian Maytenus salicifolia Reissek (Celastraceae) groups studied by TLC and UV/Vis spectrophotometry.
Authors: Valladão, Frederico Nunes
Miranda, Roqueline Rodrigues Silva de
Vale, Fernando Henrique Aguiar
Valladao, Sara Araujo
Silva, Grácia Divina de Fátima
Duarte, Lucienir Pains
Okano, Rita Maria de Carvalho
Messias, Maria Cristina Teixeira Braga
Vieira Filho, Sidney Augusto
Keywords: Maytenus salicifolia
Celastraceae
Triterpenos pentacíclicos
Pentacyclic triterpenes
Issue Date: 2009
Citation: VALLADÃO, F. N. et al. Four Brazilian Maytenus salicifolia Reissek (Celastraceae) groups studied by TLC and UV/Vis spectrophotometry. Revista Brasileira de Farmacognosia, v. 19, p. 733-739, 2009. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0102-695X2009000500014&script=sci_arttext>. Acesso em: 20 ago. 2014.
Abstract: A grande variedade de angiospermas apontou a necessidade do desenvolvimento de sistemas de classificação botânica apoiada pela fitoquímica, bioquímica e outras. Recentemente, técnicas de análise utilizadas para o isolamento e caracterização de metabólitos secundários vêm sendo empregadas como métodos auxiliares rápidos e eficientes para identificação e classificação de espécies vegetais. M. salicifolia é popularmente conhecida no Brasil, como “cafezinho”. O chá obtido a partir de folhas frescas é usado topicamente para aliviar pruridos e sintomas alergiformes. Este trabalho apresenta a utilização do CCD em sílica gel e espectrofotometria no UV / Vis como métodos auxiliares na identificação botânica de M. salicifolia. Os resultados demonstraram que este processo pode ser usado na diferenciação de plantas do mesmo gênero, assim como detectar variações químicas entre indivíduos de uma mesma espécie.
metadata.dc.description.abstracten: The great variety of angiosperms shows the need to development of botanical classification systems supported by phytochemistry, biochemistry and others. Recently, techniques of analysis used for the isolation and characterization of secondary metabolites have been employed as auxiliary quick and efficient methods for the identification and classification of plant species. M. salicifolia is popularly known in Brazil, as “small coffee” and decoct obtained from its fresh leaves is topically used to alleviate itches and other skins allergic symptoms. This work presents the use of TLC and UV/Vis spectrophotomety processes to be applied like an auxiliary method in botanical taxonomy. The results demonstrate that this process can be used in differentiation of the same genera species, and in the selection of chemical variations between individuals of the same species.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/3861
metadata.dc.identifier.doi: http://dx.doi.org/10.1590/S0102-695X2009000500014
ISSN: 1981-528X
metadata.dc.rights.license: A Revista Brasileira de Farmacognosia permite que o Repositório Institucional da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) deposite uma cópia eletrônica dos artigos publicados por esse periódico  em que ao menos um dos autores faça parte da comunidade cientifica da UFOP. Fonte: Licença concedida Mediante preenchimento de formulário em 16 set. 2013.
Appears in Collections:DEFAR - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_FourBrazilianMaytenus.pdf1,28 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.