Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/3600
Title: Análise dos psicofármacos prescritos para crianças e adolescentes diagnosticados com transtorno do déficit de atenção e hiperatividade atendidas pelo Centro de Atenção Psicossocial Infanto-juvenil de Ouro Preto – MG.
Authors: Guedes, Lucas Araujo
metadata.dc.contributor.advisor: Veloso, Vanja Maria
Keywords: Imipramina
Medicamentos – utilização
Psicotrópicos
Issue Date: 2014
Citation: GUEDES, L. A. Análise dos psicofármacos prescritos para crianças e adolescentes diagnosticados com transtorno do déficit de atenção e hiperatividade atendidas pelo Centro de Atenção Psicossocial Infanto-juvenil de Ouro Preto – MG. 2014. 91 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Farmacêuticas) - Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2014.
Abstract: A Reforma Psiquiátrica Brasileira estabeleceu a criação dos Centros de Atenção Psicossocial (CAPS). Prevalências entre 10% e 20% de problemas mentais, são observadas na população infanto-juvenil, sendo os transtornos do desenvolvimento psicológico uma das observações mais frequentes. Dentre os transtornos de desenvolvimento, está o Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) que acomete de 3 a 6% das crianças em idade escolar no Brasil. Essa situação demonstra a necessidade dos serviços de saúde pública implantarem ações que possam garantir o diagnóstico precoce, além de um tratamento coerente com as atuais propostas de atenção ao indivíduo diagnosticado com TDAH. Desta forma o presente trabalho procurou conhecer características sociodemográficas e clínicas dos usuários do CAPSi-OP e observar o perfil de prescrição de medicamentos para o tratamento do TDAH nessa unidade de saúde. Foram utilizados como fontes de dados todos os prontuários cadastrados na unidade de saúde. Após a análise dos dados, pode-se constatar que 11,74% dos usuários do CAPSi-OP tinham o diagnóstico de TDAH sendo que para 81,16% desses foram prescritos algum psicofármaco para o tratamento do transtorno. Os medicamentos mais frequente foi a imipramina, seguida pela amitriptilina e o metilfenidato. Ao se comparar o tratamento medicamentoso utilizado em Ouro Preto com a literatura, observou-se que ele não correspondeu com o preconizado. Entretanto, o custo do tratamento com o medicamento de primeira escolha pode ser duas vezes maior que o tratamento com a imipramina. Concluiu-se que o tratamento medicamentoso realizado em Ouro Preto não condiz preconizado pela literatura, mas a economia observada com a troca do medicamento de primeira escolha, pelo de terceira escolha pode ser a justificativa do serviço público para esse procedimento.
metadata.dc.description.abstracten: The Brazilian Psychiatric Reform established the creation of Centers for Psychosocial Care (CAPS). Prevalences between 10% and 20% of mental problems observed in the juvenile population, and disorders of psychological development are one of the most frequent observations. The Attention Deficit Hyperactivity Disorder (ADHD), which affects 3-6% of school-aged children in Brazil. This demonstrates the need for public health services deploy actions that can ensure early diagnosis, besides a treatment consistent with current proposals for patient care diagnosed with ADHD. Thus, the present study aimed to know sociodemographic and clinical characteristics of subjects registered in CAPSi-OP and observe the drug prescription profile for the treatment of ADHD in the unity of health. All registered records in the clinic were used as data sources. After analyzing the data, it can be seen that 11.74% of patients CAPSi-OP had a diagnosis of ADHD, and 81.16% of them used some psychoactive drug to treat the disorder. The most commonly prescribed medications were imipramine, followed by amitriptyline and methylphenidate. When comparing drug treatment used in Ouro Preto with the literature, we found that it did not match the recommended. However, the cost of treatment with the drug of first choice is twice higher than the treatment with imipramine. It was concluded that drug treatment held in Ouro Preto dismissive advocated in the literature, but the economy observed with the exchange of the first-choice drug for the third choice may be the justification of public service for this procedure.
Description: Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas. CIPHARMA, Escola de Farmácia, Universidade Federal de Ouro Preto.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/3600
metadata.dc.rights.license: Autorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo(a) autor(a), 15/08/2014, com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 3.0, que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho, desde que seja citado o autor e licenciante. Permite o uso para fins comerciais e a adaptação desta.
Appears in Collections:CIPHARMA - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO_AnálisePsicofármacosPrescritos.pdf1,25 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons