Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/3023
Title: Participantes representados linguisticamente no livro de compromisso setecentista de uma Irmandade do Rosário dos Pretos sob a ótica da linguística sistêmico-funcional.
Authors: Hoy, Giovanna Marcella Verdessi
metadata.dc.contributor.advisor: Rodrigues Júnior, Adail Sebastião
Keywords: Gramática sistêmica
Funcionalismo - linguística
Transitividade - linguística
Irmandades
Issue Date: 2013
Publisher: Programa de Pós-Graduação em Letras. Departamento de Letras, Instituto de Ciências Humanas e Sociais, Universidade Federal de Ouro Preto
Citation: HOY, G. M. V. Participantes representados linguisticamente no livro de compromisso setecentista de uma Irmandade do Rosário dos Pretos sob a ótica da linguística sistêmico-funcional. 2013. 143 f. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade Federal de Ouro Preto, Mariana, 2013.
Abstract: As Irmandades de Nossa Senhora do Rosário foram espaços importantes para os negros em Minas Gerais e, em geral, para toda a população brasileira, durante o período colonial. Os Livros de Compromissos sobressaíram-se em meio à massa documental que trata das Irmandades. Neles constam as regras dessas instituições e vários são os temas abordados, emergindo uma série de aspectos dos contextos em que foram produzidos. Foi esse tipo de documentação que nos interessou e nos fez olhar para a sua linguagem, para as representações experienciais dos negros e brancos. Posto isto, o objetivo geral desta pesquisa é identificar e analisar os participantes representados linguisticamente no Livro de Compromisso da Irmandade de Nossa Senhora do Rosário dos pretos da freguesia de São Caetano, datado em 1762, que constitui o corpus desta pesquisa, doravante LC. Para isso, utilizamos o sistema de transitividade proposto em Halliday e Matthiessen (2004) pelo qual o mundo experiencial dos falantes é instanciado no texto ao ser realizado pela lexicogramática. Os resultados mostraram que participantes negros e brancos realizados explicitamente pela lexicogramática foram representados em um número pequeno, apenas cinco negros, e dois brancos. Igualmente, os participantes negros e brancos implícitos, identificados pelos contextos, também foram poucos, dois de cada um deles. Quando os negros foram participantes explícitos, suas funções foram atribuir qualidades a outros participantes nos papeis de atributos, classificadores ou qualificadores. Por outro lado, quando os participantes negros foram representados implicitamente, eles desempenharam papeis semânticos mais ativos, como os de ator. Em relação aos participantes brancos, tanto aqueles representados explicitamente, quanto aqueles representados implicitamente, três dos quatro desempenharam a função de dizente. Essa função destaca o papel de uma pessoa branca que teria voz entre os negros para orientá-los em suas obrigações e para requerer ações jurídicas. Um branco no papel de dizente mostra parte das ideologias de uma sociedade marcada pela escravidão que via o negro como fonte de problemas e que, ainda, o impedia de ter representação jurídica. Em suma, constatamos que a maior preocupação dos redatores do LC foi representar participantes relacionados a cargos e funções, sem especificações sociais. Porém, os contextos estão no texto porque são instanciados nele e, por isso, os resultados das análises mostraram algumas questões sociais naqueles participantes que identificamos como negros ou brancos explicitamente na lexicogramática, ou implicitamente quando recorremos às informações contextuais.
metadata.dc.description.abstracten: The Brotherhoods of Our Lady of the Rosary were important places for black people in Minas Gerais and in general for the whole Brazilian population during the colonial period. The Livros de Compromisso (Books of Regiment) stood out in the midst of data documental mass dealing with the Brotherhoods. In these books there are the rules of these institutions with several themes addressed, with a number of aspects emerging from the contexts in which they were produced. It was that kind of documentation that interested us and made us look at their language, at the experiential representations of black and white people. Having said that, the goal of this research is to identify and analyze the participants that were represented linguistically in the Livros de Compromisso (Books of Regiment) of the Brotherhood of Our Lady of the Rosary of the black people from the parish of São Caetano dated in 1762, which constitutes the corpus of this research, henceforth LC. For this, we have used the transitivity system proposed in Halliday e Matthissen (2004) by which the experiential world of speakers is instantiated in the text when it is realized by lexicogrammar. The results have showed that black and white participants that were realized explicitly by lexicogrammar were represented in a small number, only five black ones and two white ones. Likewise, implicit black and white participants that were identified by the contexts were also a few, two of each. When black people were explicit participants, their function was to assign qualities to other participants in the roles of attributes, classifiers or qualifiers. On the other hand, when the black participants were represented implicitly, they played more active semantic roles, such as actors. In relation to white participants, not only the explicitly represented ones but also the implicitly represented ones, we have observed that three of the four participants played the role of sayers. This function highlights the role of a white person who would have voice among black people to guide them in their duties and to require legal action. A white person in the role of a sayer shows part of ideologies of a society marked by slavery that saw black people as a source of problems, and also prevented them from having legal representation. In summary, we have found that the biggest concern of the writers of the Livros de Compromisso (Books of Regiment) was to represent the participants related to positions and functions without social specifications. However, the contexts are in the text because they are instantiated in it, and therefore, the results of the analysis show some social issues in those participants that we have identified as black or white ones explicitly in the lexicogrammar or implicitly in contextual information.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/3023
Appears in Collections:PPL - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO_ParticipantesRepresentadosLinguisticamente.pdf3,52 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.