Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/2939
Title: Adição de polpa de açaí (Euterpe oleracea Martius) à dieta hipercolesterolemiante modifica a expressão de genes hepáticos do metabolismo de colesterol e o perfil de adipocinas séricas em ratos.
Authors: Souza, Melina Oliveira de
metadata.dc.contributor.advisor: Pedrosa, Maria Lúcia
Keywords: Açaí
Hipercolesterolemia
Colesterol
Expressão gênica
Proteínas - adipocinas
Issue Date: 2013
Publisher: Programa de Pós-Graduação em Ciências Biológicas. Núcleo de Pesquisas em Ciências Biológicas, Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação, Universidade Federal de Ouro Preto.
Citation: SOUZA, M. O. de. Adição de polpa de açaí (Euterpe oleracea Martius) à dieta hipercolesterolemiante modifica a expressão de genes hepáticos do metabolismo de colesterol e o perfil de adipocinas séricas em ratos. 2013. 103 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2013.
Abstract: O fruto do açaí (Euterpe oleracea Martius) ganhou popularidade no Brasil, Estados Unidos e outros países sendo considerado como um “superalimento”. Sua polpa vem sendo estudada em nosso e outros laboratórios, e suas atividades funcionais confirmadas. Visando ampliar o conhecimento sobre seus mecanismos de ação, o objetivo do presente trabalho foi investigar o efeito da polpa de açaí sobre fatores envolvidos na homeostase do colesterol hepático e sobre a concentração de adipocinas em ratos com hipercolesterolemia induzida por dieta. Ratos Fischer (fêmeas) foram divididos em quatro grupos de 8 animais de acordo com o tratamento recebido. O grupo C recebeu dieta padrão AIN-93M (4% óleo de soja), o grupo H recebeu dieta hipercolesterolemiante (25% de óleo de soja e 1% de colesterol), o grupo CA recebeu a mesma dieta padrão suplementada com 2% da polpa de açaí e o grupo HA recebeu a mesma dieta hipercolesterolemiante suplementada com 2% da polpa de açaí. Ao final de cinquenta e seis dias, os animais foram anestesiados e o sangue foi coletado para a determinação do perfil lipídico e concentração de adipocinas. Após eutanásia, o fígado foi removido para determinação da expressão gênica. O grupo HA apresentou uma melhora significativa do perfil lipídico sérico, com redução do colesterol total, das lipoproteínas aterogênicas e do índice aterogênico, comparado os animais do grupo H. A polpa de açaí não afetou a expressão gênica da enzima CYP7A1 mas, por outro lado, promoveu um aumento significativo na expressão hepática dos genes dos transportadores ABCG5 e ABCG8 nos animais hipercolesterolêmicos. ABCG5 e ABCG8 formam um heterodímero funcional que promove a secreção hepatobiliar do colesterol. Além disso, o grupo HA apresentou aumento na expressão gênica hepática do receptor de LDL, proteína responsável pela captação da lipoproteína LDL plasmática, e na concentração de colesterol eliminado no conteúdo fecal. Com relação as adipocinas, a polpa de açaí reduziu os níveis séricos de leptina e aumentou o de adiponectina nos animais hipercolesterolêmicos. A concentração sérica de TNF- não apresentou diferença estatística entre os quatro grupos experimentais. Nossos resultados sugerem que o consumo da polpa de açaí melhora o perfil lipídico sérico de ratos hipercolesterolêmicos por modular a expressão de proteínas chaves do metabolismo hepático do colesterol e regula a concentração sérica de adipocinas, indicando ter este fruto um importante valor na prevenção das doenças cardiovasculares.
metadata.dc.description.abstracten: The açaí fruit (Euterpe oleracea Martius) has gained popularity in Brazil, EUA and other countries, being considered as a “superfood”. Its functional properties have been studied and confirmed in our and other laboratories. Aiming at broadening the knowledge about its mechanisms of action, the objective of present study was to investigate the effect of açaí pulp on factors involved in cholesterol homeostasis in the liver and levels of adipokines in rats with dietary-induced hypercholesterolemia. Female Fischer rats were divided into 4 groups of 8 animals each, according to the treatment applied. The C group was fed a standard AIN-93 M diet (4% soy oil), the CA group was fed the standard diet supplemented with 2% açaí pulp, the H group was fed the hypercholesterolemic diet (25% soy oil and 1% cholesterol) and the HA group was fed the hypercholesterolemic diet supplemented with 2% açaí pulp. At the end of fifty-six days, the animals were anesthetized and the blood was collected for determination of lipid profile and adipokine content. After euthanasia, the liver was removed for determination of gene expression. Group HA presented a significant improvement of the serum lipid profile, with a decrease of total cholesterol, atherogenic lipoproteins and atherogenic index, compared with the animals of group H. The expression of CYP7A1 was unaffected by açaí pulp supplementation. On the other hand açaí promoted a significant increase in hepatic gene expression of transporters ABCG5 and ABCG8 in the hypercholesterolemic animals. These transporters form a functional heterodimer that promote the direct excretion of cholesterol via the bile. In addition, group HA exhibited increased expression of LDL-R gene in the liver, which is a protein responsible for the uptake of LDL cholesterol in the serum, and an increase in the fecal cholesterol excretion. In relation to adipokines, the açaí pulp decreased the serum levels of leptin and increased those of adiponectin in the hypercholesterolemic animals. No significant difference was observed in TNF- levels among all experimental groups. These results suggest that açaí pulp improves the serum lipid profile of the hypercholesterolemic rats by modulating the expression of key proteins of hepatic cholesterol metabolism and regulates the concentration of adipokines, indicating its potential value for the prevention of cardiovascular disease.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/2939
Appears in Collections:PPCBIOL - Doutorado (Teses)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TESE_AdiçãoPolpaAçaí.PDF2,91 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.