Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/2790
Title: Efeito do estiramento da tira durante o recozimento e descarbonetação nas estruturas primária e secundária e nas propriedades magnéticas de um aço 3% Si.
Authors: Cesar, Maria das Graças Melo Moreira
metadata.dc.contributor.advisor: Cota, André Barros
Keywords: Aço
Recristalização - metalurgia
Cristalografia
Textura de Goss
Metais
Issue Date: 2012
Publisher: Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Materiais. Rede Temática em Engenharia de Materiais, Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação, Universidade Federal de Ouro Preto.
Citation: CESAR, M. das. G. M. M. Efeito do estiramento da tira durante o recozimento e descarbonetação nas estruturas primária e secundária e nas propriedades magnéticas de um aço 3% Si. 2012. 145 f. Tese (Doutorado em Engenharia de Materiais) – Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2012.
Abstract: A textura de Goss (110)[001] do aço 3% Si é desenvolvida por recristalização secundária a partir de uma matriz primária de grãos finos estabilizada por partículas de MnS. O processo de recristalização primária e descarbonetação de tiras de aço 3% Si é feito em fornos de recozimento contínuo com a tira sob uma tensão de tração de aproximadamente 7 MPa. Este trabalho estuda o recozimento e descarbonetação de tiras de aço 3%Si sob tensões de tração de até 25 MPa. Amostras de chapas laminadas a quente foram laminadas a frio em um ou dois estágios. Em seguida, as amostras foram processadas em um forno de recozimento contínuo com uma tensão de tração variável para promover um estiramento das amostras durante o processo. A microestrutura e a textura das amostras foram analisadas por EBSD. A distribuição de tamanho dos precipitados de MnS foi investigada utilizando um microscópio de transmissão TEM e um analisador de imagem. Os recozimentos sob tensões acima de 7 MPa promoveram um alongamento significativo das amostras e os de 20-25 MPa modificaram o tamanho de grão e a textura da matriz primária. O estiramento das amostras de 4 a 6% impactou positivamente a recristalização secundária do material laminado a frio em 2 etapas. A indução magnética B8 atingiu o patamar de 1,89 T. As amostras processadas com uma única etapa de laminação a frio e descarbonetadas de maneira convencional apresentaram apenas crescimento normal de grão durante o recozimento final. O recozimento e descarbonetação sob alta tensão de tração modificou este comportamento. Com um estiramento de 6%, as amostras laminadas a frio em uma etapa apresentaram recristalização secundária. A indução magnética foi de 1,8 T e a perda magnética foi similar a obtida no produto M4 ASTM. O trabalho sugere que a recozimento e descarbonetação de tiras de aço 3% Si sob uma tensão de tração de 20-22 MPa afeta a nucleação e o crescimento dos grãos primários e que o estiramento na faixa de 4-6% pode modificar favoravelmente o tamanho das partículas de MnS, aumentando a inibição ao crescimento normal de grão.
metadata.dc.description.abstracten: The Goss Texture (110) [001] of 3% Si steel is developed by secondary recrystallization from a primary matrix of fine grains stabilized by MnS particles. The primary recrystallization and decarburization process of 3% Si steel strips is carried out in continuous annealing furnaces under a tensile stress around 7 MPa. This paper presents the study of the annealing and decarburization of 3% Si steel strips under tensile stresses up to 25 MPa. The hot band strips were rolled to a final thickness by using one or two stage cold rolling method. After that the samples were processed in a continuous annealing furnace with a variable tensile stress, in order to promote stretching of the samples during the process. EBSD measurements were employed to determine the microstructure and texture of the samples. The size distributions of MnS precipitates were investigated using transmission electron microscope (TEM) and an image analyzer. The heat treatments under tensile stresses above 7 MPa have promoted a significant stretching of the samples, and those in the range 20-25 MPa, changed the primary grain size and texture. The stretching around 4% to 6% improved the secondary recrystallization in the samples processed by a two stage cold rolled method. The magnetic induction B8 was improved up to 1.89 T. Single-stage cold rolled samples decarburized in a conventional way have presented only normal grain growth during the final annealing. The annealing and decarburization under high tensile stress has changed this behavior. With 6% of stretching, the single-stage cold rolling samples presented secondary recrystallization. The magnetic induction was 1.8 T and the magnetic core loss was similar to those obtained in the M-4 product (ASTM standard). The study suggests that the annealing and decarburization under a tensile stress of 20-22 MPa affects the nucleation and growth of primary grains, and the stretching in the range 4-6% may favorably change the size of the MnS particles, thus increasing the normal grain growth inhibition.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/2790
Appears in Collections:REDEMAT - Doutorado (Teses)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TESE_EfeitoEstiramentoTira.pdf5,81 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.