Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/jspui/handle/123456789/16266
Title: Inclusão para quem? : a luta de famílias das camadas populares pela escolarização dos estudantes surdos.
Other Titles: Inclusion for whom? : the struggle of families for schooling deaf students.
Authors: Ferreira, Renata Lena de Lourdes
Coutrim, Rosa Maria da Exaltação
Torres, Marco Antônio
Keywords: Camadas populares
Estudiantes sordos
Inclusão
Relação família-escola
Issue Date: 2022
Citation: FERREIRA, R. L. L.; COUTRIM, R. M. E.; TORRES, M. A. Inclusão para quem?: a luta de famílias das camadas populares pela escolarização dos estudantes surdos. Revista Tempos e Espaços em Educação, v. 15, n. 34, 2022. Disponível em: <https://seer.ufs.br/index.php/revtee/article/view/16890>. Acesso em: 06 jul. 2022.
Abstract: As pesquisas sobre família, escola e inclusão revelam que as políticas de inclusão dos surdos mudaram no Brasil a partir da década de 2000. Este estudo teve como objetivo geral analisar como se configura a relação da família e da escola no processo de inclusão de estudantes surdos em uma cidade no interior de Minas Gerais. Sob a perspectiva qualitativa, a pesquisa privilegiou a entrevista compreensiva com duas mães de estudantes surdos de camadas populares e o questionário aplicado com dois diretores e duas professoras de duas escolas públicas. Concluiu-se que, embora leis voltadas para a inclusão destes estudantes já existam, elas não estão sendo cumpridas. Com isso, escolas e famílias vêm tentando incluir esses estudantes dentro de certas possibilidades, porém o processo de escolarização ainda apresenta muitos obstáculos e tem causado frustração e sensação de impotência aos estudantes surdos e às suas famílias.
metadata.dc.description.abstracten: Researchs about family, school and inclusion reveals that deaf inclusion policies have changed in Brazil since the 2000s. This research had as general objective analyzed how the school and family’s relation is configured in the process of inclusion of deaf students in a city in the countryside of Minas Gerais. From a qualitative perspective, the research preferred on the comprehensive interview to two mothers of deaf students from popular layers and the questionnaire applied to two directors and two teachers selected from two schools in the city. It was concluded that, although these students are protected by the laws, they are not being fulfilled. So this, schools and families do their best to include these students within the possibilities available, however, the schooling process still presents many obstacles and has caused frustration and a feeling of powerlessness for deaf students and their families.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/jspui/handle/123456789/16266
metadata.dc.identifier.doi: https://doi.org/10.20952/revtee.v15i34.16890
ISSN: 2358-1425
metadata.dc.rights.license: This is an Open Access article distributed under the terms of the Creative Commons Attribution License, which permits unrestricted use, distribution, and reproduction in any medium, provided the original work is properly cited. Fonte: o PDF do artigo.
Appears in Collections:DEEDU - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_InclusionWhomStruggle.pdf400,68 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.