Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/jspui/handle/123456789/16042
Title: Atividade antinociceptiva, antiartrite gotosa e antioxidante de Lychnophora pinaster.
Authors: Barros, Camila Helena
metadata.dc.contributor.advisor: Guimarães, Dênia Antunes Saúde
Keywords: Lychnophora pinaster
Dor - tratamento
Inflamação
Issue Date: 2019
metadata.dc.contributor.referee: Guimarães, Dênia Antunes Saúde
Costa, Luciana Souza Guzzo
Guimarães, Andrea Grabe
Citation: BARROS, Camila Helena. Atividade antinociceptiva, antiartrite gotosa e antioxidante de Lychnophora pinaster. 2019. 76 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Farmacêuticas) – Escola de Farmácia, Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2019.
Abstract: A gota é uma enfermidade que acomete as articulações e tecidos subcutâneos devido à deposição de cristais de ácido úrico nestes locais, seguido de inflamação, dor e disfunção do membro atingido. Os fármacos disponíveis atualmente para o tratamento da artrite gotosa são reduzidos, sua farmacoterapia não abrange todos os sintomas da gota em apenas um medicamento e apresentam uma série de efeitos adversos, justificando a necessidade da busca por novas opções terapêuticas. As Lychnophoras, conhecidas popularmente como “arnica”, são espécies utilizadas na medicina popular na forma de soluções hidroalcóolicas ou pomadas para o tratamento da dor, reumatismo e inflamação. Pesquisas anteriores realizadas na UFOP demonstraram os efeitos do extrato etanólico da Lychnophora pinaster (EEL) sobre a hiperuricemia, inflamação e nocicepção. O presente estudo avaliou os efeitos do EEL e de seus constituintes químicos principais sobre a artrite induzida por cristais de urato monossódico (MSU) na articulação fêmur-tibial de camundongos C57BL/6 e sobre o estresse oxidativo. Como resultado da atividade antinociceptiva, o EEL na maior dose avaliada, reduziu o limiar de nocicepção de maneira equivalente a indometacina, fármaco anti-inflamatório (padrão) do experimento. Provavelmente as substâncias presentes no EEL, ácido cinâmico, quercetina, lupeol e estigmasterol foram responsáveis pelo efeito antinociceptivo de EEL, sendo que o lupeol foi mais efetivo que a indometacina. Na determinação da atividade antioxidante, o EEL não apresentou efeito sobre a atividade das enzimas superóxido dismutase (SOD) e catalase (CAT) no tecido periarticular. Das substâncias avaliadas, apenas vitexina promoveu o aumento da atividade da CAT e o ácido E-licnofórorico estimulou o aumento tanto da atividade da SOD quanto da CAT. A redução da migração de neutrófilos para a cavidade periarticular da articulação fêmur tibial dos camundongos foi observada nos grupos tratados com diferentes doses do EEL e nos grupos tratados com as substâncias presentes em L. pinaster, ácido cinâmico, rutina, quercetina, vitexina, lupeol, estigmasterol, ácido cafeico e ácido clorogênico. Neste trabalho o efeito anti-inflamatório do EEL observado, ocorreu pela inibição da migração de neutrófilos e pela redução das concentrações das citocinas próinflamatórias, IL-1β e TNF-α, na região inflamadada. Todas as substâncias detectadas no EEL contribuíram para os efeitos do extrato sobre a artrite. O ácido cinâmico, a rutina, ácido E-licnofórico e o estigmasterol demonstraram sua capacidade de inibição da IL-1β. Já o ácido cafeico e a vitexina promoveram a diminuição tanto da citocina IL-1β, como do TNFα. Dessa forma, o extrato etanólico de Lychnophora pinaster e seus constituintes principais se mostraram promissores para o tratamento da dor e inflamação decorrentes da artrite gotosa.
metadata.dc.description.abstracten: Gout is a disease that affects joints and tissues due to the deposition of uric acid crystals at these sites, followed by inflammation, pain, and dysfunction of the affected limb. Drugs currently available for the treatment of gouty arthritis are reduced and present adverse effects, justifying the need to search for new therapeutic options. Lychnophoras species, popularly known as "Brazilian arnica", are used in folk medicine in the form of hydroalcoholic solutions or ointments for the treatment of pain, rheumatism, and inflammation. Scientific research conducted at UFOP demonstrated the effects of the ethanolic extract from Lychnophora pinaster Mart. (EEL) on hyperuricemia, inflammation, and nociception. Present study evaluated effects of EEL and its main chemical constituents on arthritis induced by monosodium urate crystals on the femur-tibial joint of C57BL / 6 mice and on oxidative stress. Results of the antinociceptive activity showed that EEL, in the highest dose evaluated, decreased the nociception threshold like to indomethacin, drug used as a positive control of the experiment. Cinnamic acid, quercetin, lupeol, and stigmasterol were responsible for the antinociceptive effect of EEL, with lupeol being more effective than indomethacin. In the determination of the antioxidant activity, EEL had no effect on the activity of SOD and CAT enzymes in periarticular tissue. Of the evaluated substances, only vitexin promoted increased CAT activity and E-lichnophoric acid stimulated increased SOD and CAT activity. Reduction of the neutrophil migration to the periarticular cavity of the femur-tibial joint of the mice was observed in the groups treated with different doses of EEL and also in the groups treated with the substances present in EEL, cinnamic acid, rutin, quercetin, vitexin, lupeol, stigmasterol, caffeic acid and chlorogenic acid. Anti-inflammatory effect promoted of EEL was due to inhibition of neutrophil migration and the reduction of the concentrations of the proinflammatory cytokines IL-1β and TNFα in the inflamed region. All substances detected in EEL were responsible for the effects of this extract on arthritis. Cinnamic acid, rutin, E-lichnophoric acid, and stigmasterol demonstrated their ability to inhibit IL-1β. Caffeic acid and vitexin promoted a decrease in both IL-1β and TNFα cytokines. Thus, ethanolic extract of L. pinaster and its main constituents proved promising for the treatment of pain and inflammation resulting from gouty arthritis.
Description: Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas. CIPHARMA, Escola de Farmácia, Universidade Federal de Ouro Preto.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/jspui/handle/123456789/16042
metadata.dc.rights.license: Autorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo(a) autor(a) em 12/01/2019 com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0 que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho, desde que sejam citados o autor e o licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação.
Appears in Collections:CIPHARMA - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO_AvaliaçãoAtividadeAntinoceptiva.pdf2,41 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons