Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/jspui/handle/123456789/15075
Title: Ingestão de dieta hiperlipídica por ratas progenitoras induz aumento da ingesta calórica, inflamação sistêmica e disbiose na prole da segunda geração.
Authors: Barbosa, Claudiane Maria
metadata.dc.contributor.advisor: Alzamora, Andréia Carvalho
Keywords: Dieta
Colesterol
Inflamação
Ratos
Issue Date: 2022
metadata.dc.contributor.referee: Alzamora, Andréia Carvalho
Costa, Daniela Caldeira
Moreira, Leandro Marcio
Vieira, Maria Aparecida Ribeiro
Campos, Wellington Garcia de
Citation: BARBOSA, Claudiane Maria. Ingestão de dieta hiperlipídica por ratas progenitoras induz aumento da ingesta calórica, inflamação sistêmica e disbiose na prole da segunda geração. 2022. 76 f. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas) - Núcleo de Pesquisas em Ciências Biológicas, Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2022.
Abstract: Este trabalho apresenta os efeitos da dieta hiperlipídica (DH) consumida pela progenitora (G0) nos distúrbios cardiometabólicos e na microbiota intestinal na prole segunda geração (F2). Ratos submetidos a DH (G0H) ou dieta controle (DC) (G0C) durante o período de acasalamento, gestação e lactação, geraram a prole F2 (F2-G0H e F2-G0C, respectivamente), que receberam apenas DC. Ambos, G0H e F2G0H, apresentaram alterações na microbiota intestinal, aumento da PAM, níveis plasmáticos de TAG, índice de adiposidade e processo inflamatório no depósito de gordura retroperitoneal e no cólon evidenciado pelo aumento da expressão gênica de TNF-α, MCP-1, MyD-88 e CAV-1. Além disso, a prole F2-G0H apresentou aumento da ingestão alimentar, resistência à leptina, colesterol total e níveis plasmáticos de MCP-1 e redução de adiponectina. Em relação às comunidades microbianas, observou-se maior diversidade com 5 famílias de bactérias exclusivas que foram correlacionadas com distúrbios cardiometabólicos. Em geral, a progenitora induziu aumento na ingestão alimentar, inflamação sistêmica e alterações na microbiota na prole F2G0H.
metadata.dc.description.abstracten: This work presents the effects of the high-fat diet (H) consumed by the progenitor (G0) on cardiometabolic disorders and on intestinal microbiota in the second generation offspring (F2). Rats submitted to H (G0H) or control (C) (G0C) diets, during mating, gestation and lactation, generated the F2 offspring (F2-G0H and F2-G0C, respectively), which received only C diet. Both, G0H and F2-G0H, showed changes in the intestinal microbiota, increased MAP, plasma TAG levels, adiposity index and inflammatory process in retroperitoneal fat and in the colon shown by increased of TNF-α, MCP-1, MyD88 and CAV-1 gene expression. In addition, the F2-G0H showed increased food intake, leptin resistance, total cholesterol and plasma levels of MCP-1 and reduced adiponectin. Regarding to the microbial comunities, a greater diversity was observed with 5 unique families of bacteria that have been correlated with cardiometabolic disorders. Overall, progenitor with cardiometabolic disorders induces increase in food intake, systemic inflammation and microbiota alterations in the F2-G0H offspring.
Description: Programa de Pós-Graduação em Ciências Biológicas. Núcleo de Pesquisas em Ciências Biológicas, Pró-Reitoria de Pesquisa de Pós Graduação, Universidade Federal de Ouro Preto.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/jspui/handle/123456789/15075
metadata.dc.rights.license: Autorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo(a) autor(a) em 11/05/2022 com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0 que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho, desde que sejam citados o autor e o licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação.
Appears in Collections:PPCBIOL - Doutorado (Teses)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TESE_IngestãoDietaHiperlipídica.pdf3,63 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons