Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/1442
Title: Ideação e avaliatividade em relatos de aprendizes de inglês como língua estrangeira.
Authors: Rodrigues Júnior, Adail Sebastião
Keywords: Relatos de aprendizes de inglês
Ideação
Avaliatividade
Modelo de análise de narrativas
Issue Date: 2008
Citation: RODRIGUES JÚNIOR, A. S. Ideação e avaliatividade em relatos de aprendizes de inglês como língua estrangeira. Revista Brasileira de Lingüística Aplicada, v. 8, n.2, p.273-293, 2008. Disponível em: <http://www.educadores.diaadia.pr.gov.br/arquivos/File/2010/artigos_teses/Ingles/adailjr.pdf>. Acesso em: 26 set. 2012.
Abstract: Neste artigo, tenciono apresentar os primeiros resultados do desenvolvimento de um esquema lingüístico-discursivo de análise de relatos de aprendizes de inglês no âmbito do Projeto AMFALE (Aprendendo com Memórias de Falantes e Aprendizes de Língua Estrangeira) da Faculdade de Letras da UFMG, a partir da teoria discursiva de Martin e Rose (2003). O objetivo principal é discutir as características genéricas dos relatos, à luz da teoria de gênero de Eggins e Martin (1997), de aprendizes brasileiros de inglês diante das escolhas lingüísticodiscursivas feitas por seus relatores para expressar a complexidade de suas experiências no processo de aquisição. Admitindo-se que histórias, mais que qualquer outra família de gêneros, expressam os sentimentos, anseios e desejos das pessoas (MARTIN; ROSE, 2003), e levando-se em consideração que narrativas são representações textuais de eventos vividos por seus autores (RIESSMAN, 1993), neste trabalho focalizo alguns elementos textuais que sinalizam a complexidade da aprendizagem de inglês como língua estrangeira. O corpus de análise é composto por trinta e sete transcrições de relatos em áudio de aprendizes de inglês disponíveis na homepage do Projeto AMFALE. A análise envolve a descrição dos elementos discursivos de ideação (transitividade) e avaliatividade (appraisal) presentes nesses relatos, de acordo com o modelo analítico de Martin e Rose (2003). Os resultados da análise realizada apontam para uma presença significativa de processos materiais, mentais e relacionais exercendo, respectivamente, papéis de realizadores de atividades, de avaliação e de identificação. Por fim, os dados também apontam para a constituição do gênero relatos por meio de estágios que caracterizam esse próprio gênero.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/1442
ISSN: 19846398
metadata.dc.rights.license: Autorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pela Revista Brasileira de Linguística Aplicada, 30/01/2014, com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 3.0, que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho, desde que seja citado o autor e licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação desta.
Appears in Collections:DELET - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_IdeaçãoAvaliatividadeRelatos.pdf122,94 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.