Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/jspui/handle/123456789/13244
Title: Arcabouço estrutural, petrografia e idades U-Pb em zircão de diques intrusivos em granitoides da suíte Lagoa Dourada (2350 Ma) – Cinturão Mineiro, sudeste do Brasil.
Other Titles: Structural framework, petrography and U-Pb zircon ages of dykes intruding granitoids from the 2350 Ma Lagoa Dourada suite – Mineiro Belt, southeastern Brazil.
Authors: Lopes, Stéphany Rodrigues
Gonçalves, Leonardo Eustáquio da Silva
Gonçalves, Cristiane Paula de Castro
Keywords: Crosta continental juvenil
Enxame de diques Siderianos
Issue Date: 2020
Citation: LOPES, S. R; GONÇALVES, L. E. da. S; GONÇALVES, C. P. de. C. Arcabouço estrutural, petrografia e idades U-Pb em zircão de diques intrusivos em granitoides da suíte Lagoa Dourada (2350 Ma) – Cinturão Mineiro, sudeste do Brasil. Anuário do Instituto de Geociências, Rio de Janeiro, v. 43, n. 4, p. 66-81, 2020. Disponível em: <https://revistas.ufrj.br/index.php/aigeo/article/view/39927/pdf>. Acesso em: 19 fev. 2021.
Abstract: A Suíte Lagoa Dourada (SLD), localizada no Cinturão Mineiro (CM), borda sul do Cráton São Francisco (CSF), datada em ca. 2,35 Ga, é composta por biotita-hornblenda tonalitos cortados por uma rede de diques classificados em 5 diferentes tipos (Tipos 1 a 5). Esses tipos foram individualizados a partir de suas relações de corte e orientação espacial, obtidas com cartografia de 4 áreas alvos, além da composição modal e textura. Com características microestruturais majoritariamente ígneas, a foliação observada nestes diques foi gerada durante a sua colocação, associada ao próprio fluxo magmático. As relações de corte observadas mostram que os diques Tipo 1 (ca. 2347 Ma) são os mais antigos, cuja idade obtida superpõe, dentro do erro analítico, a idade da rocha hospedeira. Esses diques foram alojados por meio de um sistema de fraturas sin-intrusivas provenientes da contração volumétrica do plúton durante a sua cristalização. O processo de ruptura da rocha hospedeira para a colocação dos demais tipos deve-se provavelmente ao fraturamento provocado pela pressão magmática, tendo a intrusão mais jovem (Tipo 5, ca. 2332 Ma) ocorrido aproximadamente 20 Ma após a sua cristalização. Tem-se então o registro singular da produção de crosta em ca. 2350-2330 Ma para a SLD e diques nela intrusivos, tempo que corresponde a um período de carência global do registro de geração de crosta continental (2,45 e 2,2 Ga).
metadata.dc.description.abstracten: The Lagoa Dourada Suite (LDS), located in the Mineiro Belt, southern margin of the São Francisco Craton, dated at ca. 2.35 Ga, is composed of biotite-hornblende tonalites crosscut by a network of dykes classified into 5 different types (Types 1 to 5). These types were individualized based on their cutting relations and spatial orientation, through the outcrop mapping of 4 workstations, besides the modal composition and texture. With microstructural features mostly igneous, the foliation observed in these dykes was generated during their emplacement, associated with the magmatic flow itself. The observed cutting relations show that Type 1 (ca. 2347 Ma) is the oldest one, whose obtained age overlaps, within the analytical error, the host rock age. It had been emplaced through a system of syn-intrusive fractures resulting from the volumetric contraction of the pluton during its crystallization. The host rock rupture responsible for the emplacement of the other types is probably due to the fracturing caused by the magmatic pressure, with the youngest intrusion (Type 5, ca. 2332 Ma) occurring approximately 20 Ma after its crystallization. Therefore, there is a singular record of the production of crust at ca. 2350-2330 Ma for LDS and intrusive dykes, a time that would correspond to a global paucity period in the continental crust formation (2.45 e 2.2 Ga).
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/13244
metadata.dc.identifier.doi: https://doi.org/10.11137/2020_4_66_81
ISSN: 1982-3908
metadata.dc.rights.license: O periódico Anuário IGEO permite que o Repositório Institucional da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) deposite uma cópia eletrônica dos artigos publicados por esse periódico em que ao menos um dos autores faça parte da comunidade cientifica da UFOP. Fonte: Licença concedida mediante preenchimento de formulário em 29 out. 2014.
Appears in Collections:DEGEO - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_ArcabouçoEstruturalPetrografia.pdf1,95 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.