Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/11796
Title: Efeito de uma suplementação com polpa de açaí (Euterpe oleracea Martius) em camundongos BALB/c com mucosite intestinal induzida por 5-fluorouracil.
Authors: Magalhães, Talita Alves Faria Martins
metadata.dc.contributor.advisor: Freitas, Renata Nascimento de
Amaral, Joana Ferreira do
Keywords: Mucosite
5-fluorouracil
Açaí
Estresse oxidativo
Inflamação
Issue Date: 2018
metadata.dc.contributor.referee: Barros, Patrícia Aparecida Veira de
Costa, Daniela Caldeira
Amaral, Joana Ferreira do
Freitas, Renata Nascimento de
Citation: MAGALHÃES, Talita Alves Faria Martins. Efeito de uma suplementação com polpa de açaí (Euterpe oleracea Martius) em camundongos BALB/c com mucosite intestinal induzida por 5-fluorouracil. 2018. 112 f. Dissertação (Mestrado em Saúde e Nutrição) - Escola de Nutrição, Universidade Federal de Ouro Preto, Escola de Nutrição, Ouro Preto, 2018.
Abstract: A mucosite intestinal (MI) causada por quimioterapia antineoplásica caracteriza-se por um processo inflamatório da mucosa e pode ocorrer entre 50% e 80% dos pacientes oncoterápicos tratados com 5 fluorouracil (5-FU), droga comumente utilizada nesse contexto. Até o presente momento não há terapia aprovada para a MI. Diante disso, diversos estudos têm demonstrado efeito antioxidante e anti-inflamatório do açaí (Euterpe oleracea Martius), um fruto tipicamente brasileiro e normalmente consumido por essa população e cada vez mais pela população mundial. O presente estudo objetivou investigar o efeito da polpa de açaí na resposta antioxidante e inflamatória em um modelo animal de MI induzida por 5-FU. Camundongos BALB/c receberam pré-tratamento com polpa de açaí a 200g/kg de uma dieta padrão durante quatorze dias. No décimo quinto dia da experimentação, parte dos animais receberam injeção intraperitoneal única de 5-FU (200mg/kg) sendo eutanasiados três (D3) ou sete (D7) dias após a administração da droga. Ao findar dezoito e vinte e dois dias, os grupos CTL, CTL+Açaí, MUC e MUC+Açaí tiveram o jejuno coletado para as seguintes análises: histológica, atividade das enzimas SOD e CAT, concentração de grupos SH totais e polifenóis totais e de mediadores pró-inflamatórios (TNF-α e IL-1β). O fluido intestinal foi coletado para avaliar a concentração de sIgA e da atividade enzimática da MPO. A ingestão de açaí pelos grupos com MI promoveu resistência e recuperação da altura das vilosidades, recuperou a razão vilos/cripta e regenerou quase que completamente o aspecto histológico tecidual. Nesse mesmo grupo, houve diminuição da atividade da SOD, aumento da atividade da MPO e da liberação de sIgA no D3. A atividade da enzima MPO elevou em todos grupos com MI no D7. A enzima CAT apresentou redução de sua atividade nos grupos com essa alteração no D3 e aumento nos grupos que receberam açaí no D7. Não houve alteração no teor de polifenóis totais, no nível tecidual de grupos SH totais e nas concentrações de TNF-α e IL-1β. Nossos resultados demonstraram efeito protetor dos componentes da polpa de açaí na injúria intestinal provocada por 5-FU, bem como, na capacidade de controlarem o estresse oxidativo e a resposta inflamatória intestinal, no sentido de mobilizarem vias de defesa para acelerar o reparo tecidual. Os mecanismos que envolvem esses achados carecem de elucidações.
metadata.dc.description.abstracten: Intestinal mucositis (IM) caused by antineoplastic chemotherapy is characterized by an inflammatory mucosal process and can occur between 50% and 80% of oncoterapic patients treated with 5-fluorouracil (5-FU), a drug commonly used in this context. To date, there is no approved therapy for IM. Therefore, several studies have demonstrated antioxidant and antiinflammatory effects of açai (Euterpe oleracea Martius), a brazilian fruit typically consumed by this population and increasingly by the world population. The present study aimed to investigate the effect of açai pulp on the antioxidant and inflammatory response in an animal model of IM induced by 5-FU. BALB/c mice received pre-treatment with açai pulp at 200g/kg of a standard diet for fourteen days. On the fifteenth day of the experiment, part of the animals received single intraperitoneal injection of 5-FU (200mg/kg), three (D3) or seven (D7) days after administration of the drug were euthanized. At the end of eighteen days, the CTL, CTL+Açai, MUC and MUC+Açai groups had the jejunum collected for the following analyzes: histological, SOD and CAT enzyme activity, concentration of total SH groups and total polyphenols and proinflammatory mediators (TNF-α and IL-1β). The intestinal fluid was collected to evaluate the concentration of sIgA and the enzymatic activity of MPO. Intake of açai by the IM groups promoted resistance and recovery of villus height, recovered the villi/crypt ratio and almost completely regenerated the tissue histological aspect. In this same group, there was a decrease in SOD activity, an increase in MPO activity and the release of sIgA in D3. The activity of the MPO enzyme increased in all groups with IM in D7. The CAT enzyme showed a reduction of its activity in the groups with this change in D3 and increase in the groups that received açai in D7. There was no change in the total polyphenol content, in the tissue level of total SH groups and in TNF-α and IL-1β concentrations. Our results demonstrated a protective effect of açai pulp components on intestinal injury caused by 5- FU, as well as the ability to control oxidative stress and inflammatory bowel response, in order to mobilize defense pathways to accelerate tissue repair. Mechanisms involving these findings need to be elucidated.
Description: Programa de Pós-Graduação em Saúde e Nutrição. Escola de Nutrição, Universidade Federal de Ouro Preto.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/11796
metadata.dc.rights.license: Autorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo(a) autor(a) em 04/10/2018 com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0 que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho desde que sejam citados o autor e o licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação.
Appears in Collections:PPGSN - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO_EfeitoSuplementaçãoPolpa.pdf2,69 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons