Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/10935
Title: Micelas de poloxâmero 407 contendo anfotericina B para o tratamento da leishmaniose visceral.
Authors: Perasoli, Fernanda Barçante
metadata.dc.contributor.advisor: Barichello, José Mario
Valadares, Diogo Garcia
Keywords: Micelas
Anfotericina
Leishmaniose visceral - tratamento
Toxicidade - testes
Issue Date: 2016
metadata.dc.contributor.referee: Barichello, José Mario
Silva, Gisele Rodrigues da
Lana, Marta de
Silva, Glenda Nicioli da
Citation: PERASOLI, Fernanda Barçante. Micelas de poloxâmero 407 contendo anfotericina B para o tratamento da leishmaniose visceral. 2016. 85 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Farmacêuticas) – Escola de Farmácia, Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2016.
Abstract: A leishmaniose é uma zoonose amplamente distribuída pelas regiões tropicais e subtropicais do mundo. O número de fármacos utilizados no tratamento da doença é limitado, além de apresentar alta toxicidade. A anfotericina B (AnB) é um fármaco com potente atividade leishmanicida, porém apresenta efeitos nefrotóxicos severos. As soluções micelares do copolímero poloxâmero 407 (P407) possibilitam a solubilização e/ou dispersão de substâncias lipofílicas ou anfóteras, protege estes componentes frente às degradações hidrolítica e enzimática e promovem a liberação controlada de fármacos. Neste contexto, soluções micelares de P407 contendo AnB foram caracterizadas e avaliadas in vitro quanto a citotoxicidade e a atividade leishmanicida. As soluções micelares de P407 contendo AnB apresentaram tamanho médio maior (entre 49 e 300 nm) quando comparadas às soluções micelares sem AnB (entre 8 e 77 nm), o que é indicativo da associação do fármaco às micelas/partículas. O índice de polidispersão foi influenciado pela composição das formulações variando de mono a polidisperso. O potencial zeta foi negativo em módulo para todas as soluções micelares e sua intensidade dependente da composição das formulações. Os espectros de absorção das formulações de AnB no UV demonstraram que até a concentração de 10-5 M, as soluções micelares estabilizaram a molécula do fármaco em seu estado monomérico. A solução micelar de P407 a 20% contendo AnB foi a que apresentou a maior atividade leishmanicida (IC50%) sobre promastigotas de L. infantum (0,14 ± 0,50 µg/mL). Em formas amastigotas do parasito a IC50% foi de 0,05 ± 0,18 µg/mL. A toxicidade desta formulação para células Vero (CC50%) foi menor (19,14 ± 0,25 µg/mL) quando comparada à formulação controle de AnB desoxicolato de sódio (4,13 ± 0,60 µg/mL). A citotoxicidade para macrófagos caninos (CC50%) foi baixa (438,90 ± 0,08 µg/mL) quando comparada ao controle de AnB desoxicolato (2,85 ± 0,15 µg/mL). O estudo de liberação in vitro da AnB a partir do estado gel de P407 a 20% demonstrou que este fármaco foi liberado de forma controlada (21,96 ± 3,18 µg/mL/h) durante as 5 horas de teste. No seu conjunto, estes resultados sugerem que soluções micelares de P407 são potenciais carreadores de AnB para o tratamento da leishmaniose visceral.
metadata.dc.description.abstracten: Leishmaniasis is a zoonosis widely distributed throughout the tropical and subtropical regions of the world. The number of drugs available for treating the disease is limited, besides to exhibit high toxicity. Amphotericin B (AnB) is a drug with potent leishmanicidal activity but has severe nephrotoxic effects. The micellar solution of copolymer poloxamer 407 (P407) allows solubilization and/or dispersion of lipophilic or amphoteric substances, protects these components against the hydrolytic and enzymatic degradations and promote drugs controlled release. In this context, micellar solutions of P407 containing AnB were characterized and evaluated in vitro in regard to their cytotoxicity and leishmanicidal activity. The micellar solutions of P407 containing AnB showed a larger mean size (from 49 to 300 nm) than micellar solutions without AnB (from 8 to 77 nm), which is indicative of drug association to the micelles/particles. The polidispersion index was influenced by the composition of the formulations varying from mono- to polydispersed. The zeta-potential was negative in magnitude for all micellar solutions and its intensity dependent in the composition of the formulations. The UV absorption spectra of the AnB formulations showed that until the concentration of 10-5 M, the micelar solutions stabilized the drug molecule in its monomeric state. The 20% P407 micelar solution containing AnB was what showed increased leishmanicidal activity (IC50%) on promastigotes of L. infantum (0.14 ± 0.50 µg/mL). In amastigote forms of the parasite, the IC50% was 0.05 ± 0.18 µg/mL. The toxicity (CC50%) of this formulations to Vero cells was lower (19.14 ± 0.25 μg/mL) when compared to the control formulation of sodium deoxycholate AnB (4.13 ± 0.60 μg/mL). The cytotoxicity to canine macrophages (CC50%) was lower (438.90 ± 0.08 μg/mL) compared to the control deoxycholate AnB (2.85 ± 0.15 μg/mL).The release of AnB from 20% P407 formulation in the gel state was in a controlled fashion (21.96 ± 3.18 μg/mL/h) during the 5 hours of the release study. Thus, these results suggest that micellar solutions of P407 are potential carriers for AnB for the treatment of visceral leishmaniasis.
Description: Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas. CIPHARMA, Escola de Farmácia, Universidade Federal de Ouro Preto.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/10935
metadata.dc.rights.license: Autorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo(a) autor(a) em 13/03/2017 com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0 que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho desde que sejam citados o autor e o licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação.
Appears in Collections:CIPHARMA - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO_MicelasPoloxâmero407.pdf2,39 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons