Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/10933
Title: Efeito da administração diária de cafeína sobre a infecção por Leishmania amazonensis.
Other Titles: Effect of daily caffeine administration on L. amazonensis infection.
Authors: Carvalho Júnior, Jaime Márcio de
metadata.dc.contributor.advisor: Afonso, Luís Carlos Crocco
Testasicca, Miriam Conceição de Souza
Keywords: Cafeína
Leishmania
Issue Date: 2017
metadata.dc.contributor.referee: Afonso, Luís Carlos Crocco
Bahia, Maria Terezinha
Maioli, Tatiani Uceli
Citation: CARVALHO JÚNIOR, Jaime Márcio de. Efeito da administração diária de cafeína sobre a infecção por Leishmania amazonensis. 2018. 65 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas) - Núcleo de Pesquisas em Ciências Biológicas, Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2018.
Abstract: A leishmaniose pode ser descrita como um conjunto de manifestações clínicas causadas pela infecção de protozoários do gênero Leishmania. Essas manifestações clínicas podem ser agrupadas em quatro quadros bem definidos: leishmaniose cutânea localizada, leishmaniose muco-cutânea, leishmaniose visceral e leishmaniose cutânea difusa. As diferentes condições dependerão de fatores inerentes ao hospedeiro humano e por características do parasito. Por exemplo, L. amazonensis é o único causador da leishmaniose cutânea difusa. Para essa condição clínica o balanço das citocinas produzidas pelas células T CD4 positivas é de grande importância. A infecção por L. amazonensis resulta no desenvolvimento de uma fraca resposta celular T CD4 Th1 em pacientes que são negativos para a reação de hipersensibilidade a antígenos de Leishmania. A deficiência na resposta celular pode ser consequência de mecanismos de evasão específicos de L. amazonensis que podem induzir imunossupressão no hospedeiro. A presença de ectonucleotidases e produção de adenosina extracelular pode representar um desses mecanismos. Atuando nesses receptores, a adenosina pode induzir respostas antiinflamatórias, o que favorece a multiplicação do parasito. Sendo a cafeína por sua vez, uma metilxantina capaz de antagonizar os efeitos da adenosina nos receptores P1, nosso objetivo foi investigar os efeitos da administração diária de cafeína sobre a infecção por L. amazonensis no modelo murino. Camundongos C57BL/6J foram tratados com diferentes concentrações de cafeína em água de beber e posteriormente infectados com metacíclicas de L. amazonensis. Os animais tratados com cafeína apresentaram menor tamanho de lesão quando comparados com os animais não tratados e não observamos diferença no número de parasitos na lesão. A produção de IFN-ɣ por células do linfonodo foi significativamente maior nos animais tratados com cafeína. Concluímos, portanto, que o tratamento com cafeína possuiu a capacidade de interferir no curso da infecção por L. amazonensis. Essa interferência pode ser explicada pela alteração na produção de citocinas como o IFN-ɣ. Dessa maneira o tratamento com cafeína pode oferecer mais um meio de expandir os conhecimentos a respeito dos mecanismos de evasão da resposta imune utilizados pelo parasito, através da sinalização purinérgica, e melhorando o entendimento do papel desta via no curso da infecção por L. amazonensis.
metadata.dc.description.abstracten: Leishmaniasis can be described as a set of clinical manifestations caused by the infection of protozoa of the genus Leishmania. These clinical manifestations can be grouped into four well-defined pictures: localized cutaneous leishmaniasis, mucocutaneous leishmaniasis, visceral leishmaniasis and diffuse cutaneous leishmaniasis. The different conditions will depend on factors inherent to the human host and on the characteristics of the parasite. For example, L. amazonensis is the sole cause of diffuse cutaneous leishmaniasis. For this clinical condition, the balance of cytokines produced by CD4 positive T cells is of great importance. L. amazonensis infection results in the development of a weak CD4 Th1 T cell response in patients who are negative for the hypersensitivity reaction to Leishmania antigens. Deficiency in the cellular response may be a consequence of specific escape mechanisms of L. amazonensis that may induce immunosuppression in the host. The presence of ectonucleotidases and the production of extracellular adenosine may represent one of these mechanisms. Acting on these receptors, adenosine can induce anti-inflammatory responses, which favors the multiplication of the parasite. As caffeine is a methylxanthine capable of antagonizing the effects of adenosine on P1 receptors, our objective was to investigate the effects of daily caffeine administration on L. amazonensis infection in the murine model. C57BL / 6J mice were treated with different concentrations of caffeine in drinking water and subsequently infected with methacyclics of L. amazonensis. The animals treated with caffeine presented smaller lesion size when compared to the untreated animals and did not observe a difference in the number of parasites in the lesion. IFN-ɣ production by lymph node cells was significantly higher in caffeine-treated animals. We conclude, therefore, that caffeine treatment has the potential to interfere with the course of L. amazonensis infection. This interference can be explained by the change in the production of cytokines such as IFN-ɣ. Thus, caffeine treatment may offer another means of expanding the knowledge about the mechanisms of immune response evasion used by the parasite through purinergic signaling and improving the understanding of the role of this pathway in the course of L. amazonensis infection
Description: Programa de Pós-Graduação em Ciências Biológicas. Núcleo de Pesquisas em Ciências Biológicas, Pró-Reitoria de Pesquisa de Pós Graduação, Universidade Federal de Ouro Preto.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/10933
metadata.dc.rights.license: Autorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo(a) autor(a) em 26/03/2018 com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0 que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho desde que sejam citados o autor e o licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação.
Appears in Collections:PPCBIOL - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO_EfeitoAdministraçãoDiária.pdf1,55 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons