Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/10774
Title: Geochemical mapping of potentially hazardous elements in surface waters and stream sediments of the Quadrilátero Ferrífero, Brazil.
Authors: Costa, Raphael de Vicq Ferreira da
Matschullat, Jörg
Leite, Mariangela Garcia Praça
Nalini Júnior, Hermínio Arias
Leão, Lucas Pereira
Keywords: Geoquímica ambiental
Valores de referência
Background values
Iron Quadrangle
Environmental geochemistry
Issue Date: 2018
Citation: COSTA, R. de V. F. da et al. Geochemical mapping of potentially hazardous elements in surface waters and stream sediments of the Quadrilátero Ferrífero, Brazil. Geochimica Brasiliensis, Rio de Janeiro, v. 32, p. 243-267, 2018. Disponível em: <http://www.geobrasiliensis.org.br/geobrasiliensis/article/view/553>. Acesso em: 11 fev. 2019.
Abstract: Geochemical mapping and the determination of baseline concentrations of potentially hazardous elements in the environment receive increasing attention. The need to know regional geochemical background data as well as the spatial allocation of areas with anomalous element concentrations and chances to identify their major sources motivate the interest. Here, results from a geochemical mapping exercise and derived related baseline values are presented. 541 stream sediment and surface waters samples have been collected across the Iron Quadrangle (IQ), Brazil, with a density of 1 sample per 13 km2. Geochemical maps were compiled using the inverse distance weighted (lDW) interpolation method. “Normal” background concentrations were distinguished from anomalies with the separation-by-concentrationrange technique, where positive anomalies were defined by the “boxplot” Upper Inner Fence (UIF) rule. The results demonstrate that more than 70% of the IQ area shows geogenic background concentration ranges for the elements studied. About 20% of the area represent positive anomalies, likely related to both near surface rock types and to human interference. Distinct anthropogenic anomalies, notably from mining activities are identified in 5– 10% of all samples. This first sampling in the IQ allows delineation of the role of lithology on the elemental composition of stream sediments, and to establish baseline values for the main river basins – thus pinpointing localities, cities and fluvial basins that are exposed to environmental risks and need to be protected.
metadata.dc.description.abstracten: O mapeamento geoquímico e a determinação das concentrações dos valores de referências de elementos potencialmente perigosos no ambiente vêm obtendo uma crescente relevância nos últimos anos. A necessidade de conhecer dados geoquímicos regionais, bem como a alocação espacial de áreas com concentrações de elementos anômalos e as chances de identificar suas principais fontes motivam o interesse. Aqui, resultados de um exercício de mapeamento geoquímico e derivados de valores de referência relacionados são apresentados. Foram coletadas 541 amostras de sedimentos e águas superficiais em todo o Quadrilátero Ferrífero (QF), Brasil, com uma densidade de 1 amostra por 13 km2. Para confecção dos mapas geoquímicos foi utilizada a técnica de interpolação denominada inverso da distância ponderada (IDW) e para distinguir os valores considerados normais das anomalias, foi adotada a técnica de separação por faixas de concentração, na qual as anomalias são definidas pela regra do “boxplot” Upper Inner Fence (UIF). Os resultados demonstram que mais de 70% da área do QF apresenta faixas de concentração relacionada aos valores do background geogênico para os elementos estudados. Cerca de 20% da área representam anomalias positivas, provavelmente relacionadas tanto a tipos de rochas próximas à superfície quanto à interferência humana. Anomalias antropogênicas distintas, notadamente das atividades de mineração, são identificadas em 5% a 10% de todas as amostras. Esta primeira amostragem feita no QF permitiu delinear um controle efetivo da litologia sobre a composição química dos sedimentos, estabelecer valores de referência para as principais bacias e demonstrar quais comunidades, cidades e bacias que estão expostas a riscos ambientais e por isso necessitam ser protegidas.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/10774
ISSN: 01029800
metadata.dc.rights.license: O periódico Geochimica Brasiliensis permite que os autores mantenham uma versão do seu artigo em repositório institucional. Fonte: Geochimica Brasiliensis <http://www.geobrasiliensis.org.br/ojs/index.php/geobrasiliensis/about/submissions#copyrightNotice>. Acesso em: 10 nov. 2016.
Appears in Collections:DEGEO - Artigos de periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_GeochemicalMappingPotentially.pdf6,53 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.