Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/10698
Title: Causação cumulativa em Myrdal e seus desdobramentos enquanto alternativas ao conceito de equilíbrio.
Other Titles: Cumulative causation in Myrdal and it’s unfoldings as alternatives to equilibrium.
Authors: Oliveira, Thiago Dumont
Attílio, Luccas Assis
Keywords: Myrdal
Veblen
Kaldor
Issue Date: 2014
Citation: OLIVEIRA, T. D.; ATTÍLIO, L. A. Causação cumulativa em Myrdal e seus desdobramentos enquanto alternativas ao conceito de equilíbrio. Revista de Economia, v. 40, n. 3 (ano 38), p. 28-46, set./dez. 2014. Disponível em: <https://revistas.ufpr.br/economia/article/view/39584>. Acesso em: 06 fev. 2019.
Abstract: O artigo discute em que medida o conceito de causação cumulativa (em geral) permite superar as dificuldades relacionadas ao conceito de equilíbrio para se pensar em desenvolvimento econômico e apresenta o conceito de causação cumulativa de Myrdal (em particular). Para além de argumentar que a abordagem de Myrdal consiste em um arcabouço amplo que incorpora elementos pós-keynesianos, institucionalistas e evolucionários, analisamos alguns trabalhos de Setterfield como um desdobramento do pensamento de Myrdal. Nosso argumento é de que através de uma visão holística do sistema econômico que combina distintas vertentes, pode-se tratar o tema desenvolvimento econômico combinando questões relacionadas ao crescimento econômico com a análise histórica da evolução das instituições. Para ilustrar discutimos a incorporação de path dependency, lock-in e institutional interrelatedness em um modelo proposto por Setterfield.O artigo discute em que medida o conceito de causação cumulativa (em geral) permite superar as dificuldades relacionadas ao conceito de equilíbrio para se pensar em desenvolvimento econômico e apresenta o conceito de causação cumulativa de Myrdal (em particular). Para além de argumentar que a abordagem de Myrdal consiste em um arcabouço amplo que incorpora elementos pós-keynesianos, institucionalistas e evolucionários, analisamos alguns trabalhos de Setterfield como um desdobramento do pensamento de Myrdal. Nosso argumento é de que através de uma visão holística do sistema econômico que combina distintas vertentes, pode-se tratar o tema desenvolvimento econômico combinando questões relacionadas ao crescimento econômico com a análise histórica da evolução das instituições. Para ilustrar discutimos a incorporação de path dependency, lock-in e institutional interrelatedness em um modelo proposto por Setterfield.
metadata.dc.description.abstracten: This paper assesses the extent to which the concept of cumulative causation (in general) overcomes the shortcomings of equilibrium analysis to address issues related to development economics and presents Myrdal’s concept of cumulative causation (in particular). Furthermore, we claim that Myrdal’s broad approach comprises Post-Keynesian, Institutionalist and Evolutionary elements and analyse some works of Setterfield as an extension of Myrdal’s conception. Our point is that through a holistic approach to Economics that combines post-keynesian, institutional and evolutionary elements it is possible think about development beyond growth, accounting also for the historical evolution of institutions. To illustrate how this can be accomplished we present a model by Setterfield in which path- -dependency, lock-in and institutional interrelatedness are included.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/10698
ISSN: 23169397
metadata.dc.rights.license: Em virtude de aparecerem na Revista de Economia, periódico de acesso público, os artigos são de uso gratuito, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais. Fonte: Revista de Economia <http://ojs.c3sl.ufpr.br/ojs/index.php/economia/about/submissions#copyrightNotice>. Acesso em: 24 jan. 2017.
Appears in Collections:DEECO - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_CausaçãoCumulativaMyrdal.pdf276,53 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.