Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/10648
Title: Estimativa do comprimento médio de traços de descontinuidades em maciços rochosos utilizando métodos estatísticos e fotogrametria digital terrestre.
Authors: Lacerda, Syro Gusthavo
metadata.dc.contributor.advisor: Lana, Milene Sabino
Alameda Hernández, Pedro Manuel
Keywords: Mecânica de rochas
Mecânica do solo
Taludes - mecânica do solo
Issue Date: 2018
metadata.dc.contributor.referee: Alameda Hernández, Pedro Manuel
Garcia, Gian Franco Napa
Cabral, Ivo Eyer
Citation: LACERDA, Syro Gusthavo. Estimativa do comprimento médio de traços de descontinuidades em maciços rochosos utilizando métodos estatísticos e fotogrametria digital terrestre. 2018. 83 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Mineral) - Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2018.
Abstract: O maciço rochoso é material de trabalho para muitas obras de engenharia, tais como taludes rodoviários e de mineração, escavações subterrâneas de túneis e galerias mineração. O comportamento mecânico e as propriedades hidráulicas deste maciço são fortemente influenciados pela presença das descontinuidades que o divide em porções de rocha intacta. A caracterização quantitativa dos parâmetros geomecânicos das descontinuidades é uma tarefa muito complicada e demorada. O tamanho, ou persistência, das descontinuidades, é um dos parâmetros mais importantes para esta caracterização, mas é também o mais difícil de se avaliar. Ao longo dos anos, foram desenvolvidos métodos de amostragem areal para se estimar o comprimento médio das descontinuidades. No entanto, os métodos de amostragem carregam vieses, principalmente de censura e de tamanho que perturbam as estimativas. Para reduzir estes vieses, algumas considerações podem ser feitas em relação à forma e distribuição espacial dos centróides de descontinuidades no maciço rochoso. A partir disso, os métodos de amostragem podem definir, ou não, funções de distribuição para se estimar a média e o desvio padrão do comprimento de traços a partir de interpretações estereológicas. Os métodos de amostragem utilizando janelas circulares não assumem nenhuma função de distribuição de probabilidade específica para o tamanho ou a orientação das descontinuidades. Mais recentemente, o uso de métodos de fotogrametria tem ganhado relevância para o mapeamento geomecânico devido à facilidade e agilidade dos procedimentos, mas também a bons resultados representativos. Este estudo utiliza métodos de fotogrametria e mapeamento geomecânico para estimar a média e o desvio padrão do diâmetro das descontinuidades. Esse comprimento médio de traço é medido diretamente, obtendo um valor numérico e é comparado com o valor obtido por meio de métodos de amostragem utilizando janelas circulares. As exposições de rochas mostram uma distribuição Log-Normal dos discos de descontinuidades. No entanto, o comprimento médio dos traços de descontinuidade obtido por janelas de amostragem é decididamente menor do que o comprimento médio dos traços medido diretamente com o auxílio da fotogrametria.
metadata.dc.description.abstracten: Rock mass is the environment for many engineering works, such as road and mining slopes or underground tunnel and mining excavations. The mechanical behavior and hydraulic characteristics of rock mass are strongly influenced by the discontinuities that divide it into intact rock portions. The quantitative characterization of the geomechanical parameters of discontinuities is a very complicated and time-consuming task. The size, or persistence, of discontinuities, is one of the most critical parameters for this characterization, but it is also the most difficult to evaluate. Over the years, areal sampling methods are developed to estimate the mean trace length of discontinuities. However, areal sampling methods carry on a bias, mainly of censorship and the size that disturb this estimation. For diminishing this bias, some assumptions can be made regarding the shape and spatial distribution of centroids of discontinuities in the rock mass. From this, the sampling methods could define, or not, distribution functions to estimate the average and standard deviation of trace length from stereological interpretations. Sampling methods using circular windows do not assume the size or orientation of discontinuities to follow an specific probability density function. More recently, the use of photogrammetry methods has been gaining relevance for geomechanical mapping due to the ease and agility of the procedures, but also to good representative results. This study uses photogrammetry and geomechanical mapping methods to estimate the mean and standard deviation of the diameter of the discontinuities. This mean trace length is directly measured obtaining a numeric value and is compared with the value obtained through sampling methods using circular windows. Rock exposures show a Log-Normal distribution of the disc of discontinuities. However, the mean trace length obtained by sampling windows are decidedly smaller than the mean trace length directly measured with the aid of photogrammetry.
Description: Programa de Pós-Graduação em Engenharia Mineral. Departamento de Engenharia de Minas, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/10648
metadata.dc.rights.license: Autorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo(a) autor(a) em 31/01/2019 com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0 que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho desde que sejam citados o autor e o licenciante.
Appears in Collections:PPGEM - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO_EstimativaComprimentoMédio.pdf14,19 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons