Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/10406
Title: Questão ambiental : dimensão periférica em política pública de turismo?
Other Titles: Environmental issue : peripheral dimension in a tourism policy?
Authors: Souza, Cynthia Oliveira de
Emmendoerfer, Magnus Luiz
Knupp, Marcos Eduardo Carvalho Gonçalves
Keywords: São Paulo
Brasil
Desenvolvimento turístico
Federalismo
Gestão pública
Issue Date: 2017
Citation: SOUZA, C. O. de; EMMENDOERFER, M. L.; KNUPP, M. E. C. G. Questão ambiental : dimensão periférica em política pública de turismo? Revista Turismo em Análise, v. 28, n. 3, p. 450-473, set./dez. 2017. Disponível em: <http://www.revistas.usp.br/rta/article/view/123915>. Acesso em: 16 jun. 2018.
Abstract: No século XX, o turismo foi objeto de atenção em políticas públicas de governos centrais de diferentes países. No século XXI, devido ao processo de descentralização, o turismo passou a ser também um setor de interesse de governos subnacionais em prol do desenvolvimento local e regional. O objetivo deste artigo é analisar a questão ambiental na política pública de turismo planejada por um governo subnacional em um estado federativo. Para tanto, foram aplicados o método documental cujos dados coletados foram cotejados a luz da literatura especializada. Como resultados, identificou-se as prioridades e as questões consideradas importantes por um governo em uma política pública de turismo a partir de um esquema analítico de 15 tipos de objetivos e 22 formas de atuação governamental. Na situação analisada, observou-se que a questão ambiental não é algo central na política vigente, o que pode tornar preocupante a sustentabilidade do turismo para além da dimensão econômica. Por fim, o esquema analítico empregado possibilita compreender a intencionalidade e a abrangência de uma política pública de turismo.
metadata.dc.description.abstracten: In the twentieth century, tourism was the object of attention in public policies of central governments in different countries. In the 21st century, due to the decentralization process, tourism has also become a sector of interest for subnational governments in favor of local and regional development. This article aims to analyze the environmental issue in the tourism policy planned by a subnational government in a federated state. For this, the documentary method was applied, whose collected data were compared in light of specialized literature. As a result, the priorities and issues considered important by government in a tourism policy were identified based on an analytical framework of 15 types of objectives and 22 forms of governmental action. In the analyzed situation, it was observed that the environmental issue is not something central in the current policy, which can cause concern for the sustainability of tourism beyond the economic dimension. Finally, the analytical framework employed makes it possible to understand the intentionality and comprehensiveness of a tourism policy.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/10406
ISSN: 19844867
metadata.dc.rights.license: Todo o conteúdo da Revista Turismo em Análise, exceto onde identificado, está licenciado sob uma licença Creative Commons que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho em qualquer suporte ou formato desde que sejam citados o autor e o licenciante. Fonte: Revista Turismo em Análise <https://www.revtur.org/revistas/rta/iaboutj.htm>. Acesso em: 04 jan. 2018.
Appears in Collections:DETUR - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_QuestãoAmbientalDimensão.pdf678,71 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.