Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/8536
Título: Biomarcadores inflamatórios em indivíduos adultos com sobrepeso e obesidade.
Autor(es): Lopes, Laís Roquete
Orientador(es): Silva, André Talvani Pedrosa da
Ribeiro, SIlvana Mara Luz Turbino
Palavras-chave: Obesidade
Quimiocinas
Biomarcadores inflamatórios
Data do documento: 2014
Membros da banca: Silva, André Talvani Pedrosa da
Costa, Daniela Caldeira
Estanislau, Juliana de Assis Gomes
Referência: LOPES, Laís Roquete. Biomarcadores inflamatórios em indivíduos adultos com sobrepeso e obesidade. 2014. 50 f. Dissertação (Mestrado em Saúde e Nutrição) - Escola de Nutrição, Universidade Federal de Ouro Preto, Escola de Nutrição, Ouro Preto, 2014.
Resumo: A obesidade é um grave problema de saúde publica cuja prevalência vem crescendo acentuadamente nas ultimas décadas, inclusive em países em desenvolvimento. Trata-se de um fenômeno de transição nutricional precursor de doenças crônico-degenerativas não transmissíveis. A obesidade como condição inflamatória basal tem aberto novos horizontes para a identificação demarcadores inflamatórios com utilização em diagnostico ou prognóstico para as doenças crônico-degenerativas. Nesse sentido, o presente estudo objetiva a quantificação de marcadores inflamatórios plasmáticos (CCL2, CCL5, CXCL16, leptina, resistina e BMP-2) correlacionando-os com marcadores clínicos, bioquímicos (glicose de jejum, hemograma completo, colesterol total e frações, hormônios T3, T4 e TSH) e antropométricos (peso, altura, circunferências corporais, pregas cutâneas e porcentagem de gordura corporal) em adultos jovens (18 a 30 anos) com sobrepeso e obesidade. Nossos resultados demostraram aumento dos parâmetros antropométricos em indivíduos com sobrepeso/obesidade, bem como dos níveis plasmáticos dos marcadores, exceto o BMP-2. Ainda, observou-se correlação da resistina, CCL2 e CCL5 com valores de índice de massa corporal e porcentagem de gordura corporal nos indivíduos avaliados. Dessa forma, o presente estudo indica um risco potencial para os indivíduos com sobrepeso pela similaridade nos níveis de marcadores inflamatórios associados às comorbidades associadas à obesidade. Sugere-se, ainda, que novas investigações sejam realizadas objetivando um estudo de amostragem populacional para confirmação das quimiocinas CCL5, CCL2, CXCL16 como indicadores de prognóstico clinico para comorbidades associadas à obesidade humana.
Resumo em outra língua: Obesity is a serious and growing world healthy problem affecting developed and in developing countries. Considered a phenomenon of the nutritional transition, the obesity is a precursor of some non-transmitted chronic degenerative diseases. The new conception of obesity as a basal inflammatory condition opens a new window of possibilities to identify inflammatory biomarkers to be used in the diagnosis or prognosis of obesity-associated comorbidities. Following this conception, this present works aim the quantification and correlation of classic (Leptin and Resistin) and new soluble markers (CCL2, CCL5, CXCL16 and BMP-2) with clinical, biochemical (fasting glucose, hemogram, cholesterol, T3, T4 and TSH) and anthropometric (weight, height, body circumferences, skinfold thickness and percentage of body fat) parameters in young adults (18 to 30 years old) presenting obesity and overweight. Our data showed increasing in anthropometric parameters in those individuals with overweight and obesity as well as in the plasma levels of inflammatory markers except to BMP-2. There was also observed correlation among CCL2, CCL5 and values of body mass index and body fat percentage in the individuals from this study. In summary, this present work proposes the existence of a potential risk to individuals with overweight due the similarity of the circulating inflammatory mediators that is commonly associated with obesity comorbidities. In addition, more investigations should be proposed, in population scale, to reinforce and define the role of the chemokines CCL2, CCL5 and CXCL16 as prognostic indicators of human obesity comorbidities.
Descrição: Programa de Pós-Graduação em Saúde e Nutrição. Escola de Nutrição, Universidade Federal de Ouro Preto.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/8536
Licença: Autorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo autor(a), 07/03/2017, com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0, que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho, desde que seja citado o autor e licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação desta.
Aparece nas coleções:PPGSN - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO_BiomarcadoresInflamatóriosIndivíduos.pdf1,93 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciado sob uma Licença Creative Commons Creative Commons